Menu   

Opinião

João Fraga
Serviço Nacional de Saúde: o “arco-íris” do recibo verde

Não obstante esta prática já remonte ao anterior Governo, o actual, logo a partir de 2011, instituiu, no Serviço Nacional de Saúde (SNS), uma prática de externalização dos serviços públicos de saúde, mediante opção pelo modelo de contratação de “prestação de serviço” “à hora”. Que, como outras medidas chamadas de “extraordinárias”, tende a tornar-se regra, ordinária, mau grado o argumento de ser “excepcional”.

João Fraga
Lições de “recuperação” da economia

Não ouvimos outra coisa que governantes e doutos “especialistas” empolgando, professoralmente, os “sinais” de “sucesso”, de “milagre”, de “recuperação da economia”. Estes “professores” da “economia” que, nestes “tempos da finança”, se ensina nas “escolas de negócios” situadas nos top ten (ou, pelo menos, nos top twenty) dos rankings do Finantial Times, de certeza que nunca leram O Livro dos Conselhos, do rei D. Duarte.

Colaboradores, última actividade

“Estima-se que a corrupção custe, por ano, o dobro do que gastamos em Educação – 18 mil milhões de euros. E isso acontece e acontecerá porque nenhuma lei é capaz de alterar a natureza dos bandidos cuja soberba se respalda na cultura instalada.” (…) “ao darmos poder negocial aos criminosos, |delação premiada| pervertemos a própria […]

11 de Dezembro, 2019

Interrogo-me e intrigo-me Revi as notícias sobre a regulação de poderes sobre a cadela Kiara. O Juiz decidiu entregar a cadela à dona, embora considerasse que ela também ficaria bem com o dono. Apesar desta situação o Juiz adiantou aquando das tentativas de conciliação que a “guarda partilhada” não  seria boa solução nem para os […]

11 de Dezembro, 2019

Pedro Alves, chefe da campanha montenegrista, arregimentou uma caterfada de autarcas locais do mais acutilante e fino perfil ideológico para as suas dinâmicas hostes.  Desde os 2 presidentes da autarquia satense, ao de Penedono, ao de Castro Daire, ao de Vouzela, ao de Viseu, sempre versátil e pronto a embarcar no trem da circunstância, passando […]

10 de Dezembro, 2019

O cineasta Leitão de Barros dedicou o seu tempo a alinhavar «notas de estética» sobre a «revisão e elogio do mau gosto», que fez publicar na revista Panorama em Fevereiro de 1943. Explica aos concidadãos a conveniência de mudarem de ideias acerca das palmeiras, árvores mal-amadas que ele queria dignificar e multiplicar para que o […]

10 de Dezembro, 2019