Afinal, eles são todos Charlies…

por Paulo Neto | 2015.01.11 - 15:02

 

Fiquei sensibilizado ao ouvir as palavras de Telmo Correia, em Paris, à porta da embaixada de Portugal. Ele é Charlie.

Fiquei emocionado com a presença de Passos Coelho e Assunção Esteves em Paris na manif. Eles são Charlie.

Mas… se eles são, continuarei eu a ser?

charb

 

O ano passado 1.868 foram desalojadas, despejadas, despojadas da sua dignidade e das casas onde moravam. Porquê? Por não conseguirem pagar as rendas. O que durante anos fizeram com pontualidade e bom rigor.

Este ano duplicaram. O governo criou o Balcão Nacional de Arrendamento, em 2012, para acelerar os despejos. Aquele inquilino que não paga a renda de casa deve fazê-lo por gosto, por gozo, por malandrice. O que é despejado deve ir todo contente, perdido o derradeiro reduto da dignidade humana. Ainda assim, os senhorios queixam-se de que a coisa não resulta porque deram entrada 8.021 pedidos e só foram aceites 2.875. Que chatice! Quem será o secretário de Estado responsável por este falhanço?

Cinco atrasos no pagamento ou dois meses sem pagar a renda dá direito a ir viver para debaixo da ponte…

pob1

São uns malandros estes inquilinos relapsos que foram colocados no desemprego, ficaram sem salário, viram a sua pensão de reforma encolher, já não têm dinheiro sequer para o pão nosso de cada dia nem para aviar os medicamentos na farmácia… A sorte é serem pobres, despojados, desalojados mas sérios e pacíficos… Se não, pegavam numa pistola e iam para a rua roubar.

Quanto ao resto, cínicos e hipócritas… eles são todos Charlies!

 

(fotos DR)