Vista Alegre e Bordallo Pinheiro vão apoiar o serviço nacional de saúde

A Vista Alegre e a Bordallo Pinheiro, vão apoiar o Serviço Nacional de Saúde (SNS) com base na venda de três peças de porcelana e de faiança, cuja receita reverterá para a aquisição de equipamentos destinados ao SNS.

Tópico(s) Artigo

  • 21:50 | Sábado, 02 de Maio de 2020
  • Ler em 2 minutos

A Vista Alegre e a Bordallo Pinheiro, vão apoiar o Serviço Nacional de Saúde (SNS) com base na venda de três peças de porcelana e de faiança, cuja receita reverterá para a aquisição de equipamentos destinados ao SNS. Esta iniciativa pretende envolver os portugueses que são chamados a colocar à prova a sua criatividade, ligando-os, de forma solidária, a esta iniciativa.

A decoração das três peças em cerâmica, uma “moldura” e uma “caneca” da Vista Alegre, e uma “sardinha” da Bordallo Pinheiro, vão ter a assinatura das famílias portuguesas, em fase de isolamento social por via da pandemia Covid 19.

O passatempo temático a lançar nas redes sociais subordina-se a dois motes: o tema da Vista Alegre será “Uma família alegre em quarentena”, e na Bordallo Pinheiro o desafio tem como lema “como será o primeiro dia do fim do isolamento”.

A escolha das três peças surgiu pelo seu simbolismo: a caneca, por ser uma peça de uso diário, de rotina, de todos os dias; a moldura, porque remete para algo que vamos querer guardar nas nossas memórias e neste caso será a convivência em família; e a sardinha por ser um símbolo das nossas tradições e que associamos a momentos de convívio e alegria. Umas trazem a segurança do que temos de melhor (a família) e a outra a alegria e a esperança.

Este passatempo será promovido nas redes sociais e qualquer família poderá candidatar-se, enviando a sua proposta de decoração das peças.

Um júri, composto por três profissionais internos (das áreas comercial, marketing e design) e duas pessoas externas (uma ilustradora e uma escritora infantojuvenil), terá a missão de selecionar uma família vencedora na Vista Alegre para decorar a “moldura” e a “caneca” e uma família vencedora na Bordallo Pinheiro que decorará a “sardinha” bordalliana.

Após a seleção dos vencedores passar-se-á ao processo de produção na Vista Alegre, em Ílhavo e na Bordallo Pinheiro, nas Caldas da Rainha.

Os vencedores receberão um presente especial e os restantes dois candidatos, quer na Vista Alegre quer na Bordallo, receberão também uma lembrança.

Quando estiverem produzidas, as peças serão vendidas na rede de 27 lojas da Vista Alegre e da Bordallo Pinheiro, em Portugal, nos clientes retalhistas, no estrangeiro e na rede de lojas online de ambas as marcas.

A totalidade da receita é destinada à aquisição de equipamentos para o Serviço Nacional de Saúde.

Gosto do artigo
Palavras-chave
Publicado por
Publicado em Última Hora