Startup do Norte desenvolve o primeiro semáforo de praias da era Covid-19

A empresa Smart City Sensor desenvolveu sistema que contabiliza veraneantes em tempo real sem invadir a privacidade das pessoas. A empresa tem uma dezena de autarquias interessadas em implementar a nova tecnologia.

  • 23:31 | Sexta-feira, 15 de Maio de 2020
  • Ler em < 1

A empresa Smart City Sensor lançou o primeiro Torniquete Virtual com semáforo luminoso de taxa de ocupação. Esta tecnologia, que permite contabilizar as entradas e saídas das pessoas das praias portuguesas, será instalada já em junho, a fim de permitir uma abertura segura da época balnear.

Esta tecnologia será instalada nas praias para supervisionar o acesso das pessoas evitando aglomerados, mas pode também ser utilizada em diversos cenários, tais como feiras, mercados e jardins. A contabilização será realizada em tempo real, o que permitirá organizar rapidamente os espaços monitorizados.

O produto tecnológico é 100% nacional e está em fase de aquisição por diversas entidades municipais.

O sistema integra um backoffice para visualização de dados em tempo real e possibilita emitir alertas para entidades Municipais ou Protecção Civil, quando o limite máximo de acesso estiver a ser excedido.

O Torniquete Virtual não carece de autorização RGPD, pois a tecnologia é baseada em radar.

Gosto do artigo
Palavras-chave
Publicado por
Publicado em Última Hora