Tempos Difíceis: A falta de generosidade da Igreja Católica para com os portugueses

É pena que a Igreja Católica não saiba reconhecer a generosidade do povo português quando este mais precisa.

Tópico(s) Artigo

  • 21:42 | Quarta-feira, 25 de Março de 2020
  • Ler em < 1

Em horas de crise quem é crente em Deus e na Nossa Senhora reza e/ou faz promessas.

No 13 de Maio dificilmente haverá a habitual peregrinação ao santuário de Fátima. No entanto, em Outubro, se tudo se encontrar normalizado haverá, quase de certeza, uma grande peregrinação a Fátima. Muitas pessoas pagarão as promessas que hoje fazem generosamente.

É pena que a Igreja Católica não saiba reconhecer a generosidade do povo português quando este mais precisa. Amor com amor se paga, mas o amor da Igreja Católica pelos portugueses não vai além dos três ventiladores.

Perdoai-lhes Senhor, por que eles não sabem o que fazem.

Gosto do artigo
Palavras-chave
Publicado por
Publicado em Opinião