Estádio Municipal do Fontelo… Tiquetaque

por Paulo Neto | 2015.07.02 - 16:20

 

 

Não é só de agora. Até aceitamos que Almeida Henriques não seja um amante de futebol. Pode gostar apenas de arte, ou de rotundas e jardins, ou de Dão, ou de TGV’s, ou de avionetas, ou de incubadoras, ou da CIM, ou do Mais Centro, ou do Zé Morgado… Está no seu preferencial direito.

Eu também não gosto de ananás, de figos verdes, de bifes bem passados, de sardinha assada, de leite gordo, do lixo que atormenta o senhor ex-professor Diamantino, do desleixo generalizado de autarcas-holofote…

Mas deixar chegar a incúria, a indiligência, a falta de brio ao ponto da Liga de Futebol vir inspeccionar e reprovar o Estádio do Fontelo por falta de condições para aí poder disputar a próxima época… já se nos afigura de extrema gravidade, lesivo do Académico de Viseu e desrespeitador de todos os adeptos deste desporto e deste Clube.

E a senhora Câmara aos quesitos responde “nim”, mas no entrementes, numa fona, diz que vai cumprir as suas obrigações – afinal de quem é o Estádio? e num ápice terá tudo pronto a tempo e horas, como havia prometido  e incumprido…

E nós acreditamos que vai conseguir. Tem capacidade para isso e para honrar os seus compromissos.

O que ressalta, porém, é este avassalador desleixo, esta ineficiente gestão da coisa pública, esta gananciosa avidez de deitar mão a tudo e deixar tudo perder-se, este não-fazer sistemático, consecutivo em flagrante contraste com o luzir crónico debaixo das luzes da Ribalta.

Até parece já uma disfunção profunda a nível do inconsciente, uma patologia de gravidade crescente, talvez irreversível…

Porque se sujeitará este executivo a levar puxões de orelhas a torto e a esmo e a toda a hora?

Porque, de uma vez por todas, não começa a surpreender-nos com a positividade dos seus actos e com a consequência das suas acções?

Tanto “inconseguimento” já nos atordoa, a nós que tanto gostávamos de poder gabar-lhe uma acção bem-feita…

Ponha os olhos noutras câmaras… na câmara da vizinha Tondela, por exemplo. Até em matéria de “futebol & estádios” poderá aprender alguma coisinha com o seu colega e correligionário António Jesus.

Não lance o olho só para cobiçar, lance-o também para aprender…