Viseu : A Festa continua em grande e a despesa aumentou 3,58 vezes

No final do ano passado formam gastos em Eventos e Animação e Promoção um valor recorde de 1 592 020,77€ (cerca de um milhão e quinhentos e noventa e dois mil euros).

  • 22:40 | Domingo, 05 de Maio de 2019
  • Ler em 2 minutos

Nos primeiros quatro meses deste ano o Executivo Municipal já gastou em Festas, Festinhas e Festanças cerca de 455 694,26€ . Entre serviços de: decoração de cerimónias; publicidade em revistas life style ; alugueres de standes em feiras, romarias e seus sucedâneos festivos, iluminação decorativa de eventos; aluguer de palcos e sua montagem e desmontagem; etc.

No final do ano passado formam gastos em Eventos e Animação e Promoção um valor recorde de 1 592 020,77€ (cerca de um milhão e quinhentos e noventa e dois mil euros).

Neste valor, milionário, não estão refletidos os valores também milionários de Despesas que a Viseu Marca gastou para animar ainda mais as Festas, alimentando a Propaganda do Regime, instalado no Rossio, muito à custa dos valores exorbitantes cobrados nas receitas obtidas, anualmente, com a Feira de São Mateus.

Importa referir que tais valores, absolutamente proibitivos, cobrados nas taxas e tarifas pagas pelos expositores bem como o custo suportado pelos visitantes  da Feira de São Mateus, apenas servem para alimentar a máquina de Propaganda do Regime.

Se analisarmos a evolução da despesas entre os anos 2014 e 2018 ( entre a data do 1º exercício económico do Executivo Municipal e a data das últimas Contas Municipais aprovadas) podemos verificar que neste período foram gastos em festas 4 734 210,10€ ( cerca de quatro milhões e setecentos e trinta e quatro mil euros).

Entre o início do primeiro mandato do atual Executivo Municipal e o final do ano passado a Despesa com Festas aumentou 3,58 vezes atingindo no final do ano passado o valor recorde atrás enunciado.

Importa  concluir que os prejuízos elevadíssimos registados no final do ano passado e que ultrapassaram os 3,5 milhões de euros, muito se ficaram a dever quer à péssima gestão do atual Executivo Municipal, nomeadamente aos gastos absolutamente sumptuosos e inexplicáveis com este tipo de despesas.

Podíamos até achar que em face destes resultados atingidos no final do ano 2018 o Executivo corrigisse este problema, mas não, se analisarmos o Orçamento previsto para este ano 2019 estão contabilizados mais 1 189 000€ ( um milhão cento e oitenta e nove mil euros ) para que as Festas e a Animação continuem em grande.

Gosto do artigo
Publicado por