É fundamental não desanimar

A crise é transversal a toda a população, mas há grupos mais vulneráveis que foram afetados duramente pela destruição do emprego, os estrangeiros e os extremos das franjas de idade da população ativa: a que vai dos 18 aos 24 anos e a das pessoas com mais de 50 anos. Os jovens são impedidos de ganharem experiência e de se autonomizarem, os mais velhos, estigmatizados pela sua idade, são afastados por disfunções do nosso mercado de trabalho.

Tópico(s) Artigo

  • 12:49 | Quinta-feira, 04 de Março de 2021
  • Ler em 3 minutos

A população empregada diminuiu em 2020, caindo em 99 mil pessoas, um decréscimo de 2,0%. Adicionalmente, a população desempregada cresceu 3,4%, ou seja, 11,4 mil pessoas. Chamo a atenção para as Informações sobre o Mercado de Trabalho, da Comissão Europeia, para o nosso país:

“O número de trabalhadores abrangido pelo regime de “layoff” (total ou parcial) simplificado, medida que visou atenuar o impacto da pandemia no desemprego, ascendeu ao longo deste período a mais de 1,3 milhões de trabalhadores abrangidos (valor que se mantém nos meses de verão) – prevendo-se que uma parte destes trabalhadores possa progressivamente cair em situação de desemprego até final de 2020 / início de 2021.

A previsão da CE tende a concretizar-se, 2021 arrancou com o desemprego a aumentar, assim o demonstram os dados provisórios divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). A taxa nacional de desemprego terá aumentado em janeiro 0,4 pontos percentuais face a dezembro, para os 7,2%.


A crise é transversal a toda a população, mas há grupos mais vulneráveis que foram afetados duramente pela destruição do emprego, os estrangeiros e os extremos das franjas de idade da população ativa: a que vai dos 18 aos 24 anos e a das pessoas com mais de 50 anos. Os jovens são impedidos de ganharem experiência e de se autonomizarem, os mais velhos, estigmatizados pela sua idade, são afastados por disfunções do nosso mercado de trabalho.

Tive o gosto de participar no lançamento do relatório “Portugal, Balanço Social 2020”, projeto desenvolvido pelos investigadores Susana Peralta, Bruno P. Carvalho e Mariana Esteves, do centro de conhecimento Nova SBE Economics for Policy, no âmbito da Iniciativa para a Equidade Social, uma parceria entre a Fundação ”la Caixa”, o BPI e a Nova SBE. Retive três informações que considero relevantes: 1- as crianças integram um dos grupos mais vulneráveis à pobreza; 2 – o risco de pobreza está assimetricamente distribuído pela população; 3 – há fatores muito relevantes que contribuem para a pobreza persistente: a educação, a composição do agregado familiar e o acesso ao mercado de trabalho. Para que possamos eliminar a pobreza persistente e severa, a criação de emprego de qualidade é a chave. A crise que afeta, hoje, muitas famílias, mas causará dano a muitas mais nos próximos meses, na medida em que cessem as moratórias e os layoff, exige uma nova geração de políticas ativas de emprego que possam responder afirmativa e rapidamente às situações geradas pela pandemia. Não é, de todo, despiciendo exigir que seja feito um esforço gerador de pactos multipartidários sem apriorismos sectários, consubstanciados numa densa análise económica e da realidade social.

Há um dado muito relevante, o número de inativos disponíveis, mas que não procuram emprego foi estimado em 192 mil pessoas, verificando-se um aumento de 32,2% (46,8 mil pessoas) relativamente ao período homólogo. Um dos grandes desafios do Estado passa por tomar medidas que contribuam para a manutenção dos empregos existentes, estimulem a criação de novos e contrariem um dos gravosos problemas sociais que se adensou nos últimos meses: o chamado “efeito desânimo”. Há quem seja esmagado pela longa duração da sua situação de desemprego e, nota importante, haverá quem nem se inscreva nos serviços públicos competentes, como o IEFP. Submersos numa realidade kafkiana, sentem-se impotentes para fazer frente aos inúmeros processos de seleção, entrevistas, formações desajustadas, à precariedade dos trabalhos a que acederam ou lhes são propostos…Um dos grupos mais vulnerável é o das pessoas com 50+ anos. Sugiro, para quem possa aceder à Netflix, a serie francesa “Recursos Desumanos” que conta como protagonista, com o antigo craque da bola Eric Cantona.

A comunidade, eu e o leitor, nós, todos juntos, não podemos abdicar dos nossos direitos e deveres de cidadania, exijamos ao Governo que a “VITAMINA”, sempre me pareceu absurdo o termo “bazuca”, sirva para fortalecer os mais frágeis de modo a que possamos eliminar os focos de pobreza que nos devem envergonhar e não para aumentar os ganhos dos habituais “clientes” dos fundos comunitários.

Além da “VITAMINA”, deposito alguma esperança na Presidência Portuguesa da União Europeia que tem como uma das prioridades a concretização o Pilar Europeu dos Direitos Sociais. Estejamos atentos, os primeiros sinais não são animadores. O objetivo passa por ter no início de maio, na Cimeira Social marcada para o Porto, um compromisso mais forte dos 27 para com metas de igualdade, proteção social e inclusão, desenhadas ainda em 2017 pela Comissão Juncker e retomadas no início do ano passado pela nova presidente, Ursula von der Leyen, e que permanecem largamente de adoção voluntária. Atente no seguinte e retire as suas ilações: adoção voluntária das metas; os planos nacionais de recuperação e resiliência, a executar até 2026, não preveem a inclusão das metas que forem fixadas neste plano de ação; 2021 será um ano sem avaliação dos países quanto a progressos alcançados até aqui; não haverá recomendações estruturais aos Estados membros… Não nos deixemos capturar pelo “efeito desânimo”

Gosto do artigo
Palavras-chave
Publicado por
Publicado em Opinião
Porno Gratuit Porno Français Adulte XXX Brazzers Porn College Girls Film érotique Hard Porn Inceste Famille Porno Japonais Asiatique Jeunes Filles Porno Latin Brown Femmes Porn Mobile Porn Russe Porn Stars Porno Arabe Turc Porno caché Porno de qualité HD Porno Gratuit Porno Mature de Milf Porno Noir Regarder Porn Relations Lesbiennes Secrétaire de Bureau Porn Sexe en Groupe Sexe Gay Sexe Oral Vidéo Amateur Vidéo Anal

Office Lizenz Kaufen Windows 10 pro lizenz kaufen Office 2019 Lizenz Office 365 lizenz kaufen Windows 10 Home lizenz kaufen Office 2016 lizenz kaufen windows lisansları windows 10 pro satın al follower kaufen instagram follower kaufen porno