OS MISTÉRIOS DO CÉREBRO SERÃO DESVENDADOS?

por José Carreira | 2015.02.16 - 11:15

 

 

2015 é o ano de arranque do projeto BRAIN, apoiado pelo presidente americano Barack Obama que considera o seguinte:

” Se queremos fazer os melhores produtos, nós também temos que investir nas melhores ideias … Cada dólar que investimos para mapear o genoma humano voltou $ 140 para a nossa economia … Hoje, os nossos cientistas estão a mapear o cérebro humano para desbloquear as respostas para a doença de Alzheimer … Agora não é o momento para destruir esses investimentos criadores de emprego da ciência e da inovação. Agora é o tempo para atingir um nível de pesquisa e desenvolvimento nunca mais visto desde o auge da corrida espacial ” (2013, State of the Union). O projeto tem um orçamento de cerca de 35 milhões de euros para apoiar 58 grupos de investigação.

Abre-se uma nova via para investigar e conhecer os mistérios do cérebro.

A iniciativa BRAIN irá acelerar o desenvolvimento e a aplicação de novas tecnologias que permitirão aos investigadores produzir imagens dinâmicas do cérebro.

Na Europa será lançado um projeto similar, o Human Brain Project[1], em 2016 que pretende atingir os objetivos que se seguem: i) Simulação do funcionamento do cérebro humano, ii) Desenvolvimento de tecnologias de computação de inspiração cerebral; iii) iv) Desenhar o mapa das doenças do cérebro; v) Desenvolver uma plataforma de Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC); vi) Transformar os resultados das pesquisas em produtos e serviços; vii) Implementar programas de educação e gestão do conhecimento.

Estes dois projetos são a expressão da preocupação crescente com um problema que afecta cada vez mais pessoas. Abrem-se duas “janelas de oportunidade” para desvendar os mistérios do cérebro e fazer face à prevalência e incidência da demência, sendo a mais comum a doença de Alzheimer.

[1] https://www.humanbrainproject.eu