GREVE EM TERRA, CORRUPÇÃO NO MAR, OLHOS NO AR

por José Carreira | 2014.12.24 - 13:51

 

 

“Quando provares a sensação de voar, irás andar pela Terra com os olhos postos no céu, onde estiveste e para onde desejas voltar” (Leonardo Da Vinci)

 

Viajei, ontem, com uma rainha e um rei, os tradicionais bolos de Natal que comprei no senhor Ramos, no Coisas De Outrora, para degustar com a família na Alemanha. Provámos, gostámos e recomendo a todos os viseenses.

Constatei que, nas aeronaves da Ryanair, viajam cada vez mais pessoas idosas. O envelhecimento da população, até no ar se torna uma evidência. São cada vez mais os portugueses, de idade avançada, que se deslocam de avião para visitar os filhos e os netos emigrados. Ainda se lembram dos sábios conselhos do nosso primeiro? Eu lembro-me porque sei há muitos anos o que custa o espartilhar da família…

 

GREVE EM TERRA

A aviação, em Portugal, vive dias atribulados com ameaças de greve na TAP, a requisição civil, a putativa privatização, a renúncia do administrador financeiro, Luís Nunes, a negociação de um financiamento que pode chegar aos 250 milhões de euros. Um caso de difícil resolução. A agenda dos grevistas, a meu ver, revela uma forte insensibilidade, independentemente das razões que a sustentam e dos múltiplos interesses em conflito.

 

CORRUPÇÃO NO MAR

Ao aterrar em Baden Baden – Karlsruhe – lembrei-me do caso das “luvas” dos submarinos. Na Alemanha, os corruptores foram julgados e condenados. Em Portugal, os presumíveis corrompidos, ao que parece, não existem. O Ministério Público decidiu não levar a julgamento o processo dos submarinos nem deduzir acusação contra os arguidos. A justiça portuguesa parece o Titanic, os seus agentes continuam a tocar enquanto o sistema está a afundar

 

OLHOS NO AR

Em voga parecem estar os drones… Nos últimos dois anos, este sector desenvolveu-se rapidamente. O interesse por estas aeronaves já levou a Força Aérea a lançar um curso de pilotos de “operadores” destes “Sistemas Aéreos Autónomos Não-Tripulados”. Quem estará a lucrar com esta novidade? Uma investigação interessante…

Haverá vantagens na utilização destes meios, mas também têm sido apontadas preocupações com a segurança (pilotos de aviões já se queixaram da proximidade destes objetos) e a privacidade (alguns estão esquipados com câmaras de filmar).

Há um mundo novo que parece ressurgir dos “céus”, dando nova vida ao pensamento de Leonardo Da Vinci.

Deixemo-nos, para já, guiar por uma estrela e sigamos os Reis Magos, na esperança de um futuro com esperança!

 

Frohe Weihnachten!!!