Revista científica Millenium do Instituto Politécnico de Viseu:

por Rua Direita | 2013.12.05 - 11:11

Millenium continua a trilhar o seu caminho rumo à indexação e integração em plataformas on-line de bases de dados nacionais e internacionais de revistas científicas de acesso livre.

A revista científica do Instituto Politécnico de Viseu (IPV) encontra-se já indexada em três plataformas: “Latindex”, um diretório para as revistas científicas da América Latina, Espanha e Portugal, foi a primeira indexação de Millenium, em 28 de novembro de 2011. Posteriormente, em 30 de outubro de 2012, “Dialnet” (a maior hemeroteca do mundo hispânico de artigos científicos na internet, primeiro lugar na península ibérica, segundo entre os europeus e 5º lugar a nível mundial) comunica a inclusão da revista no seu portal. Mais recentemente, concretamente no dia 3 de maio, Millenium vê o seu prestígio científico reconhecido com a indexação em “DOAJ” – Directory of Open Access Journals, (cujo principal objetivo é aumentar a visibilidade e tornar fácil o acesso a revistas científicas em open access, promovendo simultaneamente uma vasta difusão da informação científica, que cobre todas as áreas, tendo ainda em conta o seu impacto).

Assim se concretiza o objetivo que Millenium se propôs, o de incluir a revista em bases de dados de revistas científicas nacionais e internacionais, designadamente nas plataformas referenciadas, estando de igual modo em curso o processo de candidatura para a sua disponibilização na Scielo e na REDALYC, entre outras.

Relembre-se que, desde 2007, a revista do IPV consta na avaliação realizada pela Qualis/CAPES – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – Fundação do Ministério da Educação (MEC) brasileiro, estando classificada na área da Educação e na área de Letras/Linguística.

O ano em curso assistiu também à seleção de Millenium, no âmbito de concurso nacional levado a efeito pela Fundação para a Computação Científica Nacional (FCCN), para integrar o Serviço de Alojamento de Revistas Científicas (SARC), serviço este enquadrado no Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal (RCAAP).

No processo de candidatura, a revista cumpriu os necessários critérios de elegibilidade, designadamente, ser uma publicação científica periódica de uma instituição sedeada em Portugal, publicada em acesso aberto na sua versão digital, bem como cumpriu os critérios de seleção, entre os quais ter processo de revisão por pares, possuir um Conselho Editorial de composição pública, maior longevidade da publicação e maior número de artigos publicados nos últimos três anos. “Assim, da aplicação dos critérios de elegibilidade, análise e seleção resultou a aprovação da candidatura apresentada pelo Instituto Politécnico de Viseu para o serviço de alojamento de Millenium.

O SARC é uma plataforma que oferece on-line um conjunto de serviços integrados para o alojamento de revistas científicas institucionais nacionais, serviços esses que se estendem a todo o processo editorial de uma revista, desde a submissão de trabalhos, passando pelo processo de revisão/avaliação por pares, até à publicação.

Este foi mais um passo importante para a evolução e melhoria contínua da revista, como forma de alargar a visibilidade da publicação, facultando o seu acesso a outros públicos. Tornando-se mais acessível e mais visível, pode ser fator de motivação para que um maior número de estudiosos e de investigadores, de docentes e outros profissionais submetam os seus trabalhos. A configuração e a parametrização de Millenium no SARC já está concluída e disponível em: <http://revistas.rcaap.pt>, sítio onde se encontram as revistas alojadas no SARC, bastando procurar na lista Millenium e selecionar “aceder à revista”.

MILLENIUM é, desde 2010, uma revista de caráter exclusivamente científico, tendo passado a ser editada com normas específicas, tendo em vista a candidatura à sua indexação em bases de dados científicas nacionais e internacionais, de acesso livre, atendendo a que o acesso livre é hoje, e cada vez mais, o novo paradigma para a comunicação científica. Para esse efeito redefiniu a sua política editorial, bem como passou a contar com órgãos científicos e consultivos e processo e mecanismo da arbitragem por pares.

A revista, enquanto publicação periódica do Instituto Politécnico de Viseu (IPV), lançou o seu 1º número em fevereiro de 1996, tendo 18 anos de atividade ininterrupta.

Hoje é uma revista fortemente implantada no mundo lusófono, sobretudo no Brasil, mas também em processo de crescente internacionalização. Ao longo destes 18 anos, passaram pela revista do Instituto Politécnico de Viseu o pensamento e a inteligência institucional e extrainstitucional, plasmados em muitas centenas de artigos, assinados por autores nacionais e estrangeiros, tanto europeus, como africanos e sul-americanos, grande parte deles académicos e investigadores das mais diversas proveniências institucionais.

Até à data foram publicados 45 números, entre os quais doze edições especiais.

Millenium mereceu durante a sua existência relevantes distinções públicas de vários portais da Internet, nomeadamente: PNN – Portuguese News Network, Escola Net, Guia da Imprensa, Portugal Links, Portugal 20 Valores, International Association of Web Masters and Designers e Contemporary Portuguese Political History Research Center.

 

Maria de Jesus Fonseca

Diretora da Revista Científica Millenium do Instituto Politécnico de Viseu

millenium@ipv.pt

 

Joaquim Amaral

Gabinete de Comunicação e Relações Públicas do Instituto Politécnico de Viseu

jamaral@pres.ipv.pt

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub