Ministro da Administração Interna inaugura Posto da GNR em Sernancelhe

por Rua Direita | 2014.06.08 - 23:40

O Ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, inaugurou este domingo  a requalificação do Posto da GNR de Sernancelhe, reconhecendo que “esta obra é o reflexo de que podemos dar as mãos e conseguir grandes coisas para as nossas populações”.

Numa cerimónia assistida por quase três centenas de pessoas, o governante foi recebido pelo Presidente da Câmara Municipal, Carlos Silva Santiago, e cumprimentou individualmente os presidentes de junta de freguesia, a quem teceu elogios pela “função e responsabilidades que têm”.

Cumprido o momento da Guarda de Honra pelos militares da GNR, o hastear da Bandeira Nacional e a bênção das instalações pelo capelão Coronel Agostinho de Freitas, o Ministro descerrou logo depois a placa evocativa da inauguração, seguindo-se uma visita minuciosa ao edifícios e aos diversos espaços que agora ficam ao serviço dos militares e da população que servem.

Logo depois, no Auditório Municipal, decorreriam as intervenções, cabendo ao Segundo Comandante Geral da GNR, Major General Agostinho Costa, a constatação de que “em Sernancelhe verificamos uma extraordinária colaboração e interesse” por parte da Autarquia e também da população que assistiu de forma tão numerosa ao momento da inauguração do Posto da GNR.

Garantindo que agora o papel da GNR pode ser desempenhado agora ainda com melhores condições, referiu que a aposta da guarda passa pelo “policiamento proativo para acorrer em particular à população mais idosa”. A finalizar a sua intervenção, felicitou o Comandante do Posto Abel Sarmento, cujo “profissionalismo e dedicação têm sido inexcedíveis”.

Por seu turno, o Presidente da Câmara, Carlos Silva Santiago, confessou ser um “dia de grande honra, de satisfação e de enorme alegria para o Concelho”, representando a inauguração desta obra o concretizar uma aspiração de há muitos anos, refletindo “a união de esforços e a cooperação institucional como sendo a fórmula para se conseguirem obras bonitas, baratas e de uma valia extraordinária para as nossas populações”.

Remontando a 2012, o Presidente da Câmara confessou-se grato “por, no espaço de dois anos, ter permitido que fossemos servidos por duas infraestruturas de socorro e segurança tão importantes como o Quartel dos Bombeiros e agora o Posto da GNR de Sernancelhe”.

Reportando ao momento de crise económica do País, o edil disse ainda que “esta obra demonstra que a palavra encerramento, tantas vezes ventilada como sentença inevitável, afinal pode querer dizer otimização, concentração de meios e serviços, reforço de valências, garantindo às pessoas maior qualidade no atendimento, uma ação mais pronta e profissional e, essencialmente, maior qualidade de vida para quem vive e trabalha nesta região do País”.

Elogiando ainda a “proximidade e a abertura demonstradas pelo Ministério da Administração Interna”, Carlos Silva relembrou que, “com esta obra, concretiza-se uma verdadeira descentralização de competências”.

O Presidente da Câmara agradeceu também, de forma especial, ao Comandante Abel Sarmento, responsável pelo Posto da GNR, ao cabo Joaquim Sobral, e a todos os militares do Posto, ao empreiteiro, de Sernancelhe, que teve o mérito de subcontratar mais de uma dezena de empresas, todas também do Concelho, e aos técnicos do Município que acompanharam com zelo e eficiência a evolução desta empreitada.

A terminar, o autarca demonstrou ao Ministro Miguel Macedo que “neste momento em que é cumprido um desejo de Sernancelhe, é muito gratificante para nós que seja V. Exa. a conceder-nos a honra e o privilégio de inaugurar, com tamanho simbolismo, o Posto da GNR de Sernancelhe”.

O Ministro da Administração Interna agradeceu as palavras do edil sernancelhense, reconhecendo que esta “é uma obra em que tenho muito gosto, pelo que pudemos ver e porque constatamos que temos hoje condições que não são faraónicas mas são confortáveis e as exigidas para prestar serviço de qualidade às pessoas”.

O Ministro da Administração Interna, que assinou o livro de honra do Município, destacou ainda a “cooperação com a Câmara Municipal”, recordou que foram observados princípios como “rigor, parcimónia e trabalho” e que “esta obra confirma que o Estado não abdica da sua presença” de norte a sul do País, garantindo ser objetivo do Governo “continuar o investimento em estruturas de segurança”.

A Requalificação do Posto da GNR de Sernancelhe teve um custo de 230 mil euros, tendo sido a primeira do País a ser homologada e a primeira deste programa de requalificação de equipamentos da Guarda a ser inaugurada.

DSC09610

DSC09646

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub