Mais Conhecimento, Menos Desigualdade

por Rua Direita | 2016.10.10 - 22:19

 

 

 

O Departamento Nacional das Mulheres Socialistas, em conjunto com o Departamento Federativo das Mulheres Socialistas e a Juventude Socialista de Viseu, promoveram no passado dia 8 de Outubro uma conferência subordinada ao tema “Mais Conhecimento, Menos Desigualdade”.

ms4

ms2

A sessão de abertura contou com a intervenção da presidente do DNMS, Elza Pais, Sara Calhau, Adelaide Modesto, Fátima Lopes e Lúcia Silva.
Os prelectores convidados foram a secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Fernanda Rollo e o deputado Alexandre Quintanilha, presidente da comissão de Educação e Ciência da Assembleia da República.

ms3

O tema central foi o “conhecimento”.

Foi feito pela secretária de Estado o balanço da situação de Portugal neste contexto, a perspectiva jovem, o desemprego e a mulher no mundo científico e do trabalho.

Foi apresentada em linhas gerais a política educativa do Governo, visando superar as profundas abissalidades ainda existentes e enfatizado o muito que ainda há a fazer. Fernanda Rollo, fê-lo com pragmatismo e clareza.

ms8

Alexandre Quintanilha, num relato mais emotivo, cingiu-se ao seu conhecimento pessoal de diferentes realidades, numa vida rica de experiências, com um terço passado em Portugal, outro terço como professor universitário na Califórnia e o terço final na África do Sul, sempre na docência e com um conhecimento lato do ensino superior em enriquecedoras perspectivas distintas.

ms6

O fundamento da palestra e das diversas comunicações centrou-se no na superação das desigualdades de todos os tipos, nomeadamente entre sexos, mas também na imperiosidade de investir na Educação, no Conhecimento e na Cultura para gerar mais equidade, melhor qualidade de vida, mais solidariedade, menos violência e descriminação e um espaço de afirmação estruturante no panorama global europeu e no claro entendimento de que o futuro reside na “massa cinzenta” e naquilo que dela advém.

Após as intervenções seguiu-se um debate, num auditório com público heterogéneo, feminino e masculino, maioritariamente socialista mas com muitos independentes e pessoas de outros partidos políticos.

Parabéns às organizadoras, pela iniciativa, pelo público que congregaram e pela qualidade das comunicações apresentadas.

p1

p2

p3

p4

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub