Há que gastá-lo | CMV vai “queimar” 35 mil euros no fim de Ano

por Paulo Neto | 2013.12.05 - 19:20

A Câmara Municipal de Viseu (CMV) na sua reunião do executivo de hoje, 5 de Dezembro, aprovou a proposta do PSD de esbanjar 35 mil euros em dez minutos, para comemorar o fim de Ano.

Somos um país de fogueteiros, em boa verdade, por isso não há de que nos admirarmos.

Num momento tão difícil para tantos milhões de portugueses, de tanta escassez, sacrifícios, fome até, esta proposta, entretanto negativamente votada pelos vereadores do PS e do CDS/PP, reveste-se de uma imoralidade e insensibilidade constrangedoras.

Ser solidária não se exprime com fátuos e vãos estralejos. Viseu tem sem-abrigos. Viseu tem população a passar fome. Viseu tem idosos sem dinheiro para adquirirem medicamentos. Viseu tem carências básicas bem à vista de todos quantos não assobiam para o sete-estrêlo. Mas Viseu tem também um executivo onde parece imperar o novo-riquismo bolorento do passado próximo. Se há dinheiro, como no Coliseu romano, quando o povo pede pão, dá-se-lhe festa. Assim se deslumbram, assim se esquecem, assim se reconfortam… por dez minutos.

35 mil euros de fulgente brilho, sem demagogias nem populismo, faziam a felicidade temporária de 800 famílias, aconchegando-lhes o estômago com o calor de uma decente refeição..

Pense nisso, senhor presidente!