Em Viseu, ANTÓNIO COSTA apresentou “agenda para a década”

por Rua Direita | 2014.11.09 - 13:31

 

Numa sala completamente cheia, António Costa esteve ontem, dia 8 de Novembro, em Viseu, no auditório da Escola Superior de Tecnologia, para apresentar e debater com os socialistas do distrito a sua moção, a “agenda para a década e a proposta de revisão dos estatutos” que vai levar ao XXº congresso nacional do PS a realizar nos próximos dias 29 e 30 de Novembro.

c6l

António Costa explanou, perante os socialistas, a sua agenda para a década, que é uma resposta de médio prazo para os problemas do país e um projecto de esperança para os portugueses. Não deixou, igualmente, de enfatizar a necessidade de combater o actual governo, um governo esgotado, e as suas políticas desastrosas para o país.

c8l

c10l

c4l

c12l

c3l

Deixou também bem claro que a luta do PS é por uma maioria absoluta, sem que ela se traduza em fechar as portas ao diálogo com aqueles que também pensam diferente da actual governação.

Quanto à revisão dos estatutos, vai instituir as primárias e voltar aos mandatos internos, de dois anos.

Intervieram ainda Acácio Pinto, director de campanha, António Borges e Adelaide Modesto, respectivamente presidentes da federação e da concelhia, que igualmente estiveram na mesa.

c13l

c14l

No final António Costa respondeu às inúmeras questões que lhe foram colocadas.

c19l

A primeira fila esteve parcialmente ocupada por toda a “elite” segurista do distrito de Viseu, crê-se que num sinal da inequívoca “união” versus “cisão” por alguns acalentada.

c5l

Porém, segundo o depoimento de um socialista, “a hipocrisia, no auditório, também esteve presente” e, segundo ele “na mesma proporção da chuva, na rua. Rija e molhada…”

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub