Em Sernancelhe… Ser+Cultura II

por Rua Direita | 2015.06.28 - 16:19

Em Sernancelhe…“Foi bonita a festa, pá / Fiquei contente”

(Chico Buarque)

a concertina

a isa

a tuba

a CS

a SE

a comida

a sanfona

a trupe

a tria

a tomi

a guitarra

“Se a ida é para a feira… vai-se falando e matraqueando o negócio: uma venda de bois, uma compra de porcos reclama, além de engenho psicológico, muita treta e bate-língua. A marcha para o mercado as mais das vezes equivale a uma sessão de bolsa. A cotação vai-se definindo “pedibus calcantibus”.

Já a romaria é outro idioma. Lançaram-se cuidados para trás das costas. Os que teimam em persistir acabam por diluir-se ao som do harmónio, o baile no terreiro, o seu copázio de palhete, foguetes de 3 assobios e 3 respostas, as bandas a executar o Compadre Chegadinho e rapsódias em que é de regra a forte pancadaria, a queremesse diabólica, pantagruélica, truculenta a meada co’a feira dos produtos regionais em pomologia, pecuária, indústrias caseiras, certames de tiro aos pratos, corridas de velocípedes e… muita coreografia do tempo da Maria Castanha…”

“Aldeia, Terra, Gente e Bichos”, Aquilino Ribeiro, ed. Bertrand,1946

a barranha

a tri

a fadista

A IIª edição do Ser+Cultura está em vias de se concluir neste abrasido e último domingo de fim de Junho…

Muitos espectáculos, muitos intervenientes e dois dias e meio de bródio.

Na 6ª feira, 26, o secretário de Estado da Juventude e Desporto, Emídio Guerreiro, juntamente com o presidente do Turismo Norte, Melchior Moreira inauguraram a loja interactiva de Turismo de Sernancelhe, no Centro de Artes. Passou-se ao Auditório Municipal onde entre música, ilusionismo e coreografias diversas, foi aberto o evento.

E a partir daí, nos seus sete palcos e plurais espaços, de tudo um pouco se pôde degustar de entre um cardápio com 50 espectáculos onde intervieram 250 artistas: muita música, desde o fado às bandas, aos ranchos folclóricos, às tunas, passando pelos concertos de piano, acordeão e guitarra clássica, apresentação de livros, zumba, literatura, escultura, fotografia, passeios pedestres, tasquinhas para atacar fome e sede e… muito mais. Um “non-stop” que, à hora deste escrito ainda está para concluir.

a comboia

a caminhada

A câmara de Sernancelhe está de parabéns.

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub