Deputados do PS questionaram Ministro da Saúde sobre encerramento do Centro de Saúde de Vouzela das 20 às 24 h

por Rua Direita | 2014.11.24 - 20:15

 

 

 

«O centro de saúde de Vouzela, que funcionava das 8 h às 24 h, viu o seu horário de funcionamento ser reduzido até às 20 h.

Este facto, inusitado, fundamentado, pela administração, em greve, legítima, por parte de funcionários, ocorre desde o princípio do mês de novembro e veio causar sérios constrangimentos na acessibilidade aos cuidados de saúde por parte dos utentes do concelho, que como se sabe tem uma população com um elevado índice de envelhecimento e para além disso se localiza na serra do Caramulo e no vale do Vouga, o que traz dificuldades naturais de deslocação às pessoas fruto das acentuadas barreiras geográficas.

Para além disso assiste-se à saída de um médico, sem qualquer substituição, o que veio acrescentar ao problema da diminuição do horário de funcionamento um sentimento de abandono das populações por parte da administração regional de saúde, uma vez que haverá utentes de extensões de saúde que ficarão sem cobertura médica.

Face ao que precede os deputados do PS, signatários, eleitos pelo círculo eleitoral de Viseu, vêm nos termos regimentais, através de vossa excelência, senhora Presidente, solicitar ao ministro da Saúde resposta às seguintes perguntas:

  1. Acha o ministro da saúde normal que se reduza o horário de funcionamento de um centro de saúde até às 20 h, já desde o início de novembro, com base numa greve, legítima, por parte dos funcionários?
  2. Não equaciona o ministério encontrar uma solução imediata para este grave problema que afeta o centro de saúde de Vouzela?
  3. Tem o ministro da saúde a noção das dificuldades que está a causar na acessibilidade à saúde por parte dos utentes do concelho de Vouzela?
  4. Quando vai o ministério da saúde repor o horário de funcionamento até às 24 h?
  5. Qual o motivo que levou o ministério da saúde a permitir a saída de médicos do centro de saúde sem a respetiva substituição?
  6. Quando vai o ministério repor o número de médicos em falta no centro de saúde?

 

Palácio de São Bento, 24 de novembro de 2014

 

Acácio Pinto

José Junqueiro

Elza Pais»

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub