Ciclo de Conferências FENPROF 2015

por Rua Direita | 2015.05.14 - 18:57

 

“Inclusão: o grande desafio do futuro”

Viseu | 16 de Maio (Sábado) | 10H00 | Escola Superior de Educação

A construção de uma escola verdadeiramente democrática e inclusiva assume um papel primordial nas sociedades de hoje de incontroláveis conflitos étnicos, religiosos, culturais, geracionais e de medo de encarar a diferença como factor de enriquecimento social.

Seja em relação à questão da pessoa com deficiência, seja em relação a outros fenómenos que se reflectem e se reproduzem na escola, há factores que contribuem para o surgimento de outros problemas e que são, por vezes, geradores de conflitos, com reflexo nas sociedades, a que urge fazer face.

A FENPROF, consciente do papel da Escola e dos seus profissionais para integrar as minorias, sejam elas de que tipo forem, mas conhecendo um vasto conjunto de factores intrínsecos e extrínsecos ao acto de aprender e de ensinar que não permitem uma verdadeira inclusão, vai realizar no próximo dia 16 de Maio (Sábado) a partir das 10H00, em Viseu, a sua quinta conferência temática do Ciclo de Conferências FENPROF 2015, esta destinada à abordagem dos problemas e da realidade da inclusão – “Inclusão o grande desafio do futuro”.

São convidados nesta iniciativa, na qual participa também o secretário-geral da FENPROF – Mário Nogueira – José Morgado (docente no Instituto Superior de Psicologia Aplicada), Joaquim Colôa (professor de educação especial do Agrupamento de Escolas Padre Bartolomeu de Gusmão) e Ana Simões (coordenadora nacional da FENPROF  para a Educação Especial).

Os problemas da inclusão e do direito de todos ao sucesso e a uma frequência escolar realizada com qualidade e estabilidade têm-se colocado com uma grande acuidade nos últimos 20 anos. Nestas duas décadas, os governos preferiram ignorar convenções internacionais, como a Declaração de Salamanca, que o Estado português subscreveu, a Constituição da República ou a Carta dos Direitos Humanos, trocando-as por políticas economicistas que têm posto em causa o direito à igualdade de tratamento e de oportunidades.

 

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub