BE e a privatização das águas – Carta Aberta

por Rua Direita | 2015.09.22 - 08:58

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal

Exmº Sr Presidente da Assembleia Municipal

O Bloco de Esquerda, conhecedor de todo o processo de privatização da água nos concelhos de Tondela, Santa Comba Dão, Mortágua, Carregal do Sal e Tábua, ao qual sempre se opôs, vem entregar, simbolicamente, um cheque no valor de 5.286.743 € correspondendo aos lucros da empresa Águas do Planalto desde o ano de 2009.

Como Vossa Excelência bem sabe os cidadãos destes 5 concelhos, dos quais 4 são os únicos do distrito de Viseu que privatizaram as suas águas, pagam essa água privatizada a mais do dobro da média dos restantes concelhos de Viseu.

Aquilo que os cidadãos pagam a mais resulta em lucros diretos de uma empresa privada. Se o serviço se mantivesse público, como o Bloco de Esquerda sempre defendeu, estes lucros reverteriam integralmente para os municípios.

Melhor alternativa seria a eficiente gestão pública de todo o serviço de distribuição de água nestes concelhos, com a diminuição substancial dos seus preços para os consumidores, e a gestão equilibrada e sustentada das contas desse serviço público, não tendo por isso os consumidores que pagar mais do que o estritamente necessário para terem a água com qualidade.

Por fim o Bloco de Esquerda saúda e dá a conhecer a aprovação pelo Parlamento Europeu da iniciativa de cariz popular que consagra a água e o saneamento básico como um direito humano e que insta a Comissão a desencorajar práticas de apropriação da água, bem como estabelece que a água é um bem comum e, por conseguinte, deve ser disponibilizada a preços comportáveis. Mesmo com tentativas dos deputados do PPE, de que fazem parte os deputados do PSD e CDS, para desvirtuar este relatório, o mesmo veio a ser aprovado pela maioria dos deputados do PE.

O Bloco de Esquerda continuará a sua luta contra todas as privatizações de serviços de interesse público e apoia incondicionalmente a luta que a sociedade civil vem desenvolvendo, destacando o trabalho meritório que o MUAP, Movimento de Utentes da Águas do Planalto vem desenvolvendo contra a privatização da água nestes concelhos.

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub