A COAPE numa corrida dinâmica

por Rua Direita | 2016.03.22 - 10:36

 

 

A COAPE, Cooperativa Agro Pecuária de Mangualde aposta forte no crescimento

Para o efeito a sua direção aprovou uma subscrição de empréstimos de sócios, muito acarinhada pelos serviços financeiros da instituição, visando atingir os 300 mil euros de cash para poder encetar obras, com o objectivo de tornar as suas instalações no centro da cidade mais chamativas, proporcionando plurais valências aos utentes, a nível de comércio, de serviços, de restauração, de formação, de saúde, de salsicharia, de beleza e de manutenção física.

Prevê-se alteração de toda a logística, tornando a cave onde hoje estão as rações e os pesticidas em garagem para ambulâncias e médicos, instalando no 2º andar a sucursal de uma clínica de saúde sedeada em Viseu, com quem se encetaram entretanto positivas negociações.

Desta forma, também, a saúde privada poderá chegar em força a Mangualde, numa ideia global muito acarinhada pela extinta PàF, criando assim uma alternativa de serviços para os materialmente mais confortados, descrentes do SNS.

Com esse global objectivo encetou a sua direção uma campanha de sensibilização dos associados para angariar empréstimos que vão dos quinhentos aos dez mil euros e seus múltiplos, com atraentes taxas de juro, para períodos de 30 meses a 20 anos, visando alcançar o fundo de maneio necessário para dar início às almejadas e necessárias obras que passarão, naturalmente, pela requalificação estrutural do edifício, da sua climatização, do seu “new-look”, mudança do monta cargas em elevadores legalmente enquadrados na nova utilidade que se lhes pretende consignar, no isolamento térmico-acústico, etc.

verso1low

verso2l

Apesar do fator risco que o investimento envolve, a dinâmica de crescimento encetada, justificará a fasquia das mais de 50% de perspetivas de sucesso.

Este centro agro comercial tem muitas possibilidades de se tornar num polo de atração dos mangualdenses, podendo até vir a deslocalizar o eixo do comércio tradicional para aquelas futuras instalações.

A agricultura tem ciclos e há que os encarar numa perspetiva empresarial de inovação e êxito, adaptando todos os meios físicos às exigências da modernidade vigorante.

Longe vão os tempos dos Grémios da Lavoura e as novas mentalidades e a força do mercado de investimento financeiro determinam evoluir, para tornar mais ricos e mais prósperos todos os associados/cooperantes da Instituição.

Com este intuito, a COAPE brevemente estará com a prosperidade que baterá à porta de todos quantos nela quiserem e souberem apostar, ademais numa época em que a banca muito se desacreditou e em que as taxas de juro proporcionadas aos clientes são mínimas, permitindo o surgimento de muitas instituições do âmbito parabancário.

Esta é uma missão  de grande envergadura, com alguns riscos, mas que decerto se coroará com os maiores e mais merecidos sucessos. Parabéns ao mentor financeiro e à sua empenhada direção.

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub