3.263 docentes vinculam aos quadros do Ministério da Educação

por Rua Direita | 2017.07.18 - 18:50

 

 

 

Foram hoje publicadas as listas definitivas relativas ao concurso interno (movimentação de docentes do quadro), concurso externo (vinculação através da chamada norma-travão) e concurso externo extraordinário (vinculação extraordinária).

O ano letivo de 2017/2018 iniciará com mais 3.263 docentes vinculados em relação ao ano anterior. De um total de 11.820 docentes que apresentaram candidatura a ambos os concursos externos, 443 ocuparam a vaga referente à norma-travão e 2.820 a vaga da vinculação extraordinária, sendo que 199 docentes eram opositores simultaneamente aos dois concursos. Recorde-se que, nos casos em que o mesmo docente responde aos requisitos dos dois concursos (externo e externo extraordinário), este docente ocupa a vaga da norma-travão, já que as vagas são apuradas nominalmente e o mesmo docente não pode dar origem a dois postos de trabalho permanentes. Houve ainda mais de duas dezenas de docentes que reuniam as condições para a vinculação extraordinária mas optaram por não apresentar a sua candidatura a este concurso.

Nas listas de docentes excluídos estão, não apenas as candidaturas que já constavam como inválidas nas listas provisórias, como também as que foram excluídas no seguimento das reclamações e denúncias apresentadas pelos candidatos. É por isso que, nestas listas definitivas, se encontram as 363 candidaturas excluídas por tempo de serviço depois da publicação das listas provisórias.

No que respeita ao concurso interno, num total de 31.562 candidaturas à movimentação quadrienal de docentes de carreira, 11.125 docentes vão poder aproximar à residência ou mudar de grupo de recrutamento. Perto de 800 vagas para Quadro de Agrupamento/Quadro de Escola (QA/QE) não obtiveram manifestação de interesse por parte dos docentes, pelo que ficaram por preencher, o que significa que mais docentes se poderiam ter aproximado da residência se tivessem concorrido a estas vagas.

Em relação a 2015 – último ano em que houve movimentação de docentes do quadro – registou-se um acréscimo de 766 vagas, que aumenta para 1.547 se tivermos em consideração as vagas abertas mas não ocupadas. Trata-se, por isso, uma das maiores movimentação de docentes dos últimos anos.  Segue-se agora o período para aceitação de candidaturas e interposição de recurso hierárquico, de acordo com o calendário previsto para o concurso, e que garante a colocação atempada dos docentes nas escolas.

Os candidatos admitidos e que não obtiveram vinculação prosseguem agora para o concurso de contratação inicial.

 

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub