The Hunger Games

por Iara Martins | 2014.03.18 - 20:35

A guerra está aberta e nunca foi ganha pela gentinha.
Temos uma social democracia e uma esquerda à procura do BI mas sem doutrina e ideologia.
Temos os bancos, que primam pela vigarice, restruturados e recapitalizados,  na lamechice pelas multas pagas e seguindo caminho.
Vivemos da Troika e para a Troika.
A guerra é sempre ganha pelos fortes, os vencedores.
O futuro será o triunfo do capitalismo no seu lado mais cruel. Sem fronteiras e descontrolado. Imune e inimputável. Elimine-se quem não pertença a este mundo.
Aos protegidos e desprotegidos cabe digladiarem-se entre si, com deslealdade e maldade, para abocanharem as migalhas que ainda sobram.
E olhamos com displicência o crescimento dos movimentos de extrema direita.
Ironia… será o novo proletariado a regressar e a impor a nova ditadura.
Por onde andas tu Marx?

Licenciada em Fiscalidade mas que não gosta de números. E acredita que ontem, hoje e amanhã é a Liberdade!

Pub