Sou pelas palavras…

por Ana Beja | 2015.09.28 - 09:30

Sou pelas palavras. Gosto de falar e de pessoas que falam. Pessoas que dizem o que pensam e o que sentem, sem ferir nem magoar. Gosto de pessoas frontais, sem rodeios, com ideias simples e claras.

Não gosto de floreados, de falar nas entrelinhas, de meias palavras, de indiretas.

Gosto de quem fala olhos nos olhos, quem nos encara pela frente e que nos diz a verdade por muito que doa.

Gosto de abreviar. Dizer logo o que há para dizer. Não ficar engasgada.

Gosto de desabafos. Mesmo aqueles com a voz embargada. Gosto de quem fala com o coração e nos toca na alma. E para isso há que saber ouvir. Ouvir as palavras do outro. Senti-las e torná-las nossas, nem que seja por um  momento. Gosto de quem sabe guardar palavras. Aquelas que muitas vezes nos saem em desabafo e com a tal voz embargada e que só partilhamos com quem sabemos que nunca as vai repetir.

Gosto do som das palavras. Do tom, da entoação, do timbre. Gosto de mesas onde se fale. Não gosto do silêncio de uma mesa cheia. Gosto de ouvir quem sabe falar. Não gosto de pessoas sem palavra. Que as usam de boca cheia e pensam que palavras leva-as o vento. Gosto de palavras úteis.

Que constroem.  Que nos ajudam.

Sou pelas palavras. Sempre!