SEMANA EUROPEIA DO TESTE VIH E HEPATITES

por José Carreira | 2016.12.01 - 19:15

 

Segundo as informações veiculadas pela Organização Mundial se Saúde (OMS), quatro em cada dez pessoas infetadas com o VIH não sabem que têm o vírus e cerca de 70% dos seus parceiros, estando também infetados, também não têm qualquer diagnóstico. A OMS defende uma aposta no autodiagnóstico para alargar o tratamento e a prevenção da transmissão.

Apesar das muitas campanhas de informação e sensibilização que têm sido desenvolvidas por entidades nacionais e internacionais, subsiste um grande estigma associado à doença e mesmo em relação ao teste de diagnóstico.

Com um duplo objetivo, formar e diagnosticar, decorreu, no dia 29 de novembro, uma sessão de esclarecimento e um rastreio subordinado ao tema HIV e Hepatites, duas atividades dinamizadas pela Diretora de Projetos Nacionais Centro e Norte da Médicos do Mundo[1], Raquel Rebelo, na sede das Obras Sociais do Pessoal da Câmara Municipal e Serviços Municipalizados de Viseu.

semana-europeia-do-teste-vih-e-hepatites

A iniciativa foi organizada, em parceria, pelas equipas da Rede Local de Intervenção Social de Viseu (RLIS) e do Contrato de Local de Desenvolvimento Social 3G (CLDS 3G) Viseu Igual[2] e foi gizada no âmbito da Semana Europeia do Teste VIH e Hepatites[3].

A nível mundial, existem atualmente mais de 500 entidades, em 49 países diferentes, que estão associadas à Semana Europeia do Teste VIH e Hepatites. Em Portugal, esta iniciativa é organizada pelo GAT[4] (Grupo de Ativistas em Tratamentos) e pela Rede de Rastreio Comunitária e tem como lema “Testar. Tratar. Prevenir”.

A presença de aproximadamente 100 participantes motiva-nos, ainda mais, para, em parceria com a Organização Não Governamental (ONG) Médicos do Mundo, desenharmos outras atividades de apoio à comunidade. Está já a ser desenhado um novo projeto, no âmbito do CLDS 3g Viseu Igual que visa, no início do próximo ano, a criação de um Banco de Medicamentos.

Deixo também um agradecimento muito especial ao Diretor da Escola Profissional Mariana Seixas, Nuno Marques, pelo envolvimento nesta iniciativa, bem como a todos os professores que acompanharam os alunos motivando-os e dando-lhes a possibilidade de participarem e formarem-se.

Nós, Obras Sociais do Pessoal da CM e SM de Viseu, queremos contribuir para que o lema “Testar. Tratar. Prevenir” chegue a mais pessoas que, também elas, difundam a mensagem da importância da prevenção e da realização regular dos rastreios.

[1] http://www.medicosdomundo.pt/pt

[2] http://www.viseuigual.pt/

[3] http://www.hivtestingweek.eu/

[4] http://www.gatportugal.org/noticias/semana-europeia-do-teste-vihhepatites-2016_82