POLÍTICOS, POLÍCIAS, MAFIOSOS…

por José Carreira | 2015.06.27 - 10:12

 

 

Correndo o risco de desapontar o leitor, aviso já que não irei escrever sobre nenhum caso concreto que envolva políticos, policias e mafiosos. A tentação é grande, há tanto para dizer, mas não é o momento.

Quero registar, uma vez mais, o meu agrado com a programação da RTP2. Tenho reservado diariamente  uma hora para ligar e ver televisão das 22H00 às 23H00. A fidelização ao canal intensificou-se com a série dedicada aos políticos: Borgen. O reforço ocorreu com a série Um Crime, um castigo”, em que os protagonistas eram os polícias.

Neste momento, sou telespectador assíduo de Gomorra, inspirada no bestseller de Roberto Saviano que trouxe à tona o modus operandi dos mafiosos italianos, mais concretamente de uma família da camorra napolitana. Os realizadores Stefano Sollima, Francesca Comencini e Claudio Cupellini são alguns dos nomes que mais se destacam no novo cinema italiano. Satisfaz-me a ideia de o cinema europeu estar a ganhar mercado porque tem qualidade. As séries Borgen e Um Crime, um Castigo também são produções europeias, dinamarquesa e francesa respetivamente. Economia e política à parte, a Europa neste capítulo está bem e recomenda-se. Um bom tónico para o caminho que deve ser percorrido, o caminho da união e da solidariedade entre os povos europeus. Para mim, como europeísta convicto que sou, o projeto europeu, com altos e baixos, é a grande “obra” do século XX da “Velha Europa”. Quanto ao cinema europeu está bem e recomendo!

Para quem gosta de HIP HOP e RAP, sugiro o videoclipe oficial da série[1].

[1]