O que é a Liberdade?

por João Sevivas | 2014.04.24 - 19:23

Enquanto pensava como compreender e escrever sobre o tema Liberdade, comecei, como por magia, a recitar alguns dos versos do Poema “Ser Poeta” de Florbela Espanca:

Ser “Livre” é ser mais alto, é ser maior (…)
É ter fome, é ter sede de infinito (…)
É ter cá dentro um astro que flameja (…)
É ser Rei do Reino de aquém e além dor (…).

É isso mesmo (pensei para mim) … Ser Livre é como ser Poeta.

Ser Livre é ser o verdadeiro escritor, o verdadeiro poeta das nossas vidas e não apenas o seu simples narrador. É dizer NÃO à resignação, é abanar com o “status quo” e ter sempre a vida nas nossas mãos.

Se olharmos para a palavra Liberdade percebemos que ela não contempla qualquer dificuldade. É uma palavra simples mas que tem inerente a si a luta, o suor e as lágrimas de muitos que, como nós, pensavam a Liberdade. Não é fácil percebe-la, mas ainda mais difícil se torna defini-la sem cair numa posição demasiadamente redutora e, até mesmo, injusta.

Para mim, Liberdade é muito mais do que poder dizer o que se pensa, fazer o que se pensa ou até fazer as escolhas que nos apraz. Liberdade transcende tudo isso e mostra-se como uma condição essencial à vida do Homem. Sem ela não somos verdadeiras pessoas, não somos verdadeiros obreiros das nossas vidas, nem sequer nos mostramos como verdadeiros Homens, antes seremos uns meros instrumentos, vivendo a toque de caixa. Viver intensamente enquanto pessoas, é ter o poder decisório das nossas vidas, é conseguir construir, mas também poder destruir e reconstruir pedaços da nossa vida.

Durante uma aula na Universidade de Coimbra, um professor, do qual já não me recordo o nome, utilizou uma expressão engraçada para nos falar de liberdade. Disse-nos: ”Todos nós somos livres, Mas a liberdade de eu dar um soco acaba no nariz do outro”. Ora bem, para mim a liberdade é condição essencial à vida em comunidade mas, apenas e só, se existirem determinados limites que a balizem e tornem a vida em comunidade possível evitando a sua transformação numa sociedade injusta onde vigore a lei do mais forte.

No nosso caso, enquanto jovens pós-Abril, falar sobre liberdade não terá certamente o mesmo peso que para os nossos pais e avós. Nunca sentimos o que seria não ter opinião, o que seria não poder expressar as nossas convicções. Sempre vivemos lado a lado com a Liberdade e, neste sentido, me considero, nos considero, uns privilegiados.

Para mim, ser Livre é estar Vivo e poder dize-lo;
É Existir em todas as nossas dimensões e poder demonstrá-lo;
É ter opinião e poder divulgá-la;
É querer ser mais e conseguir …

Coordenador adjunto da Concelhia de Viseu da Juventude Socialista (JS)

Pub