O país está muito melhor!

por Eme João | 2014.04.02 - 10:24

A vida dos portugueses não está melhor, mas o país está.

As pensões e reformas baixaram, os vencimentos também, mas o país está melhor.

O desemprego aumenta de dia para dia. Todos os dias, há empresas a falir. Os benefícios sociais para os quais, a generalidade dos portugueses desconta onze por cento do seu salário, são reduzidos. A tentativa de desmantelamento do estado social está à vista de todos. O número dos sem-abrigo aumenta, podemos vê-los nas ruas da cidade, à noite, vestidos e com os seus corpos embrulhados em cartões ou cobertores velhos, esperando qualquer coisa ou apenas uma sopa quente. Mas felizmente o país está melhor.

Os níveis de pobreza disparam. O povo transporta um cansaço visível num olhar deprimido e sente-se um grito surdo reprimido. Nada disto importa, porque o país está melhor.

Só é pena as pessoas não estarem…

O problema é que não há país sem pessoas e isso não dá jeito nenhum para as guerras de números nem para as jogadas económicas. Mas para estes indivíduos, provavelmente, o povo é apenas um “acessório” de um país. Uma coisa de pouco significado e sem grande importância. Acredito que se aproxima o dia, em que Portugal se erguerá de novo e fará cumprir Abril. Acredito que um dia, todo o nosso povo também vai acreditar e então Portugal estará melhor, sim!

Nasceu em Lisboa em 31/10/1966. Estudou psicologia no Ispa. Trabalha actualmente no ISS.

Pub