Miar ao Luar

por António Soares | 2015.09.24 - 21:48

 

Diz-se que à noite todos os gatos são pardos. Pode ser que sim, mas não se confundem. A autonomia é marcadamente felina, a hipocrisia é tendencialmente humana. A confiança de um gato conquista-se e a lealdade merece-se. A sua capacidade de independência não cerceia a vontade de depender de alguém – para quem, e só a quem, recolhe as garras. Um gato pode-se enganar, mas não é facilmente enganado. E conquista-se pela inteligência. Quem quer a admiração de um gato tem que lutar por ele como ele luta pelo que quer. À noite todos os gatos são pardos, mas não são parvos.

Miau!