Vivemos em Viseu ou na Porcalhota?

por Rua Direita | 2014.08.02 - 12:06

Pagar IMI de zona residencial e viver paredes meias com empreitadas pouco asseadas e construtores a modos que “pré-fabricados” só é possível com uma autarquia muito complacente.

lix2

Estaleiro de obras ou lixeira pública? Responda quem sabe.

Porcaria todos os dias, até com destruição de propriedade alheia e privada… às portas do Hotel Montebelo, onde vai ficar a Volta a Portugal, com os helicópteros a sobrevoar… e a mostrar a qualidade de vida local a 50 metros da maior e melhor unidade hoteleira regional.

É isto, o Viver Viseu que apregoa, caro  presidente Almeida Henriques?

O seu vereador das obras, os seus engenheiros, os seus fiscais não vêem estes atentados à qualidade de vida urbana? Esta poluição visual? Este desrespeito pelas normas? É isto um estaleiro de obras, ou uma lixeira de gente avessa ao asseio e dada à provocação, com exemplos semelhantes e à vista de toda a gente na Quinta do Galo? Quer fotografias?

lix3

Acreditamos que Viver Viseu é mais que isto e que o relatado não passa de uma fortuita nódoa negra a sujar esta Cidade.

Gente assim, nem em “favela”!

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub