Tondela inaugura a sua “Festa do Livro – Semana da Leitura”

por Rua Direita | 2014.03.17 - 20:54

No passado dia 11 de março decorreu a abertura oficial da Festa do Livro – Semana da Leitura 2014 na Biblioteca Municipal de Tondela.

Esta iniciativa é organizada pelo Município de Tondela, através da Biblioteca Municipal Tomaz Ribeiro, e decorre até 22 deste mês na Biblioteca Municipal e nas Escolas do concelho.

A sessão foi presidida pelo Dr. José António de Jesus, Presidente do Município de Tondela, acompanhado pela Coordenadora Inter-concelhia da Rede de Bibliotecas Escolares, Dr.ª Helena Duque, e pelos diretores dos Agrupamentos de Escolas Cândido de Figueiredo e Tomaz Ribeiro, Dr.ª Helena Gonçalves e Dr. Júlio Valente respetivamente, e pelo Eng.º José Dias, em representação da Escola Profissional de Tondela.

Na sua intervenção, o Presidente do Município afirmou o seu apreço e regozijo por mais esta manifestação de cultura, educação e cidadania.

Salientou a importância da leitura na formação integral dos cidadãos, pois como afirmou “saber ler, saber interpretar significa, também, melhor saber decidir”. Assim, “a Biblioteca é o espaço de abertura, onde as portas não têm fronteiras e onde o conhecimento está disponível para todos”.

Seguidamente destacou a rede de bibliotecas do concelho de Tondela que “agrega a Biblioteca Municipal, as bibliotecas dos Agrupamentos e da Escola Profissional, para que todos tenhamos acesso a uma base de consulta e a um fundo documental únicos.”

“A Biblioteca, para além de um espaço de informação, coesão e integração, deve privilegiar a identidade e diversidade. Por essa razão, foi elaborado um programa de atividades aberto a todo o concelho, a todas as escolas e à sua participação, com permanentes atividades, dinamizadas pelas diferentes bibliotecas escolares, para que este espaço se constitua de facto como um lugar de partilha, que privilegia a identidade do concelho e a diversidade que cada um traz para a riqueza do nosso território”, salientou o Dr. José António Jesus.

Destacou a cooperação entre as escolas e o Município, que deverá constituir-se como agente dinamizador, numa rede de interajuda e partilha com os diferentes parceiros. Assim, ressaltou o programa de atividades diversificado para todas as idades, que tem o mérito de realçar as dinâmicas multidisciplinares desenvolvidas ao longo do ano pelas Bibliotecas da Rede Concelhia no âmbito da promoção da leitura, da literatura e das literacias.

Finalizou a sua intervenção salientando que as instituições culturais do Município têm que continuar a ser vistas como centros de recursos abertos à comunidade educativa e aos cidadãos em geral.

A abertura da Festa do Livro teve o seu ponto alto com a atuação do Grupo Coral e Instrumental do Agrupamento de Escolas de Tondela Cândido de Figueiredo, dirigido por Ana Portugal e Cristina Salgueiro, que em estreita colaboração e sintonia com José Rui Martins do Trigo Limpo teatro ACERT, interpretaram três temas, de três autores que dignificaram a nossa Língua: “A queda do império”, de Vitorino, “Canção de embalar”, de Zeca Afonso e “Gaivota”, de Amália Rodrigues.

A atuação conjunta recebeu os aplausos de uma sala cheia de jovens e menos jovens, desde as crianças dos infantários do concelho aos idosos do Centro Paroquial de Canas de Santa Maria, numa demonstração de convívio entre gerações, onde a arte e a cultura ocupam lugar privilegiado.

Sendo a Língua Portuguesa e a comemoração dos oitocentos anos do conhecimento dos seus textos mais antigos o tema em destaque na Semana da Leitura deste ano, seguiu-se a visita à exposição “Oitocentos anos de Língua Portuguesa”, da responsabilidade da Biblioteca da Escola Secundária de Tondela, e a visita à Feira do Livro.

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub