Peça #ODE da Vista Alegre by Nuno Matos Cabral premeia mulheres na iniciativa Women in Tech Global Awards

por Rua Direita | 2019.11.06 - 15:49

VISTA ALEGRE PATROCINA WOMEN in TECH® GLOBAL AWARDS

 #ODE by Nuno Matos Cabral distingue mulheres ligadas à tecnologia

Iniciativa decorre na semana do Web Summit 2019 em Lisboa

A Vista Alegre, centenária marca portuguesa de Porcelana, Cristal e Vidro associou-se à Women in Tech® (WIT) tornando-se parceira privilegiada da organização do Women in Tech®Global Awards, iniciativa que vai premiar mulheres que se destacaram no setor da tecnologia.

A cerimónia conjunta com a StartUp Lisboa, Câmara Municipal de Lisboa e Portugal IN, decorrerá na semana da realização do Web Summit 2019 e pretende enaltecer e atribuir prémios de mérito a mulheres com papel ativo na promoção da igualdade de oportunidades, da diversidade e inclusão – principalmente de género e que atuaram como modelos de referência e de inspiração a outras mulheres.

A peça #ODE, troféu produzido pela Vista Alegre, é da autoria do designer Nuno Matos Cabral e vai galardoar as categorias “Global Leadership Women in Tech Award”; “Most Disruptive Women in Tech Award”; “Women in Tech Ally Award”; “Women in Tech Lifetime Achievement Award”; “Aspiring Teen Award” e “Women in Tech Start-Up Award”, numa homenagem às mulheres que dedicam a sua carreira profissional à tecnologia, numa perspetiva de promover o bem comum.

Nuno Matos Cabral refere que “no centro da peça temos um rosto de uma mulher anónima, independentemente da etnia, cultura ou credo, que dedica a sua vida à tecnologia, representada pelos circuitos que preenchem a peça. Os 5 circuitos impressos no perfil da mulher representam os 5 sentidos. A mulher utiliza os 5 sentidos no desenvolvimento dos seus projetos tecnológicos.”

A consagração das mulheres vencedoras do Women in Tech® Global Awards decorrerá no dia 6 de novembro no Palácio Foz integrando uma cerimónia da StartUp Lisboa no contexto da edição 2019 do Web Summit agendada na capital portuguesa entre 4 e 7 de novembro.

O júri que vai votar as profissionais nomeadas pelo público conta com conceituadas personalidades, entre as quais Michael Peters – CEO da Euronews; Melanie Perkins CEO do Canva; Jager McConnell, CEO do Crunchbase; Miguel Fontes Executive Director da StartUp Lisboa; H.E. Claire Rochecouste Embaixadora da Austrália em Portugal entre outros nomes do contexto tecnológico Mundial.

Para Nuno Barra, administrador da Vista Alegre “estarmos ao lado desta iniciativa que considero da maior relevância é, acima de tudo, motivo de orgulho para a nossa empresa. Uma iniciativa que premeia a dedicação de mulheres ao mundo tecnológico numa postura motivadora e encorajadora para que outras mulheres lhes sigam o exemplo, só podia contar com a nossa participação. Aproveito para relevar os princípios desta organização, a Women in Tech®, referindo que a Vista Alegre se revê neles de forma intrínseca. Graças a uma filosofia de colaboração com alguns dos mais prestigiados criadores contemporâneos, incluindo mulheres artistas como Joana Vasconcelos, Mariza, Coline le Corre, Helen M. Strevens, Jo Sampson e Reinata Sadimba, entre muitas outras, e a uma fusão harmoniosa de arte manual com tecnologia de ponta, as coleções da Vista Alegre distinguem-se pela excelência no fabrico, a inovação no design e a diversidade na oferta,

A “Women in Tech®” é uma organização sem fins lucrativos com uma dupla missão: eliminar a diferença de géneros e ajudar as mulheres a abraçar a tecnologia. Uma dicotomia, que também faz parte integrante do ADN da Vista Alegre, uma das fábricas mais avançadas do mundo no seu setor, elevando-a a um patamar de grande prestígio.

Nuno Barra realça, por isso, que a centenária empresa ”é um centro global de criatividade e inovação, sempre aberto a novas ideias e à diversidade de géneros, de personalidades, de nacionalidades, de estilos, de gostos e de tendências. É desta inclusividade e sentido de responsabilidade social que nascem projetos como a coleção Amazōnia, que estará exposta no evento WIT Awards, criada em colaboração com a ONG brasileira ECOARTS AMAZONIA, liderada por duas mulheres gémeas, que contribui para a reflorestação da floresta amazónica, e que envolveu um grupo de indígenas da tribo Kayapó na conceção das peças. Também nas suas peças e coleções, a Vista Alegre homenageia a beleza e a força da mulher. Madones by Christian Lacroix, Nhoca Makonde da artista moçambicana Reinata Sadimba, ou a coleção Rainhas de Portugal são apenas alguns exemplos do sublime feminino elevado a arte”, enaltece o administrador da Vista Alegre.   

Cláudia Mendes Silva, embaixadora da Women in Tech® em Portugal reforça que a organização“ escolheu a Vista Alegre como parceira para criação de uma peça com design único para a cerimónia de entrega de prémios por ser uma marca icónica do panorama corporativo Português no Mundo, além de forte embaixadora de promoção da diversidade e igualdade de oportunidades. Desejo que esta parceria se estenda para além do evento, com perspetiva de colaboração futura em atividades conjuntas em eixos de atuação para a diversidade e liderança feminina no contexto corporativo em Portugal.”

Para a Vista Alegre, as ações falam mais alto que as palavras. Com o seu apoio a este evento do WIT, a marca faz uma ode às mulheres que dedicam a sua vida ao avanço do mundo da tecnologia.  

Sobre a Vista Alegre

A fábrica de porcelana Vista Alegre foi fundada em 1824, em Ílhavo, distrito de Aveiro. Ao longo do seu percurso, a marca esteve sempre intimamente associada à história e à vida cultural portuguesa, e adquiriu uma notoriedade internacional ímpar. Em 2001, o Grupo Vista Alegre (porcelana, faiança e grés) fundiu-se com o Grupo Atlantis (cristal e vidro feitos à mão e de elevada qualidade), dando origem a um dos maiores grupos de tableware e giftware da Europa: o Grupo Vista Alegre Atlantis. Em 2009, o Grupo Vista Alegre Atlantis passou a integrar o portefólio de marcas do Grupo Visabeira, após a oferta pública lançada com sucesso sobre as ações da Vista Alegre Atlantis.

Em 2018, o design da marca portuguesa de porcelana, cristal e vidro arrecadou 30 prémios no total. No último ano o júri internacional dos “Good Design Awards” distinguiu as coleções Gazelle, Poison e Lavish. Em maio, os “European Product Design Awards” premiaram Cannaregio, Hryb e os Copos de Bicos Bicolores. A coleção de iluminação E2H, a coleção de art crystal & glass Única, e a linha de hotelware Saturn conquistaram uma das mais importantes distinções internacionais de design, o selo “German Design Award 2019 Winner”, atribuído pelo Conselho Alemão do Design, que distingue a excelência do design mundial. 

A Vista Alegre recebeu já em 2019 o cobiçado prémio “Lighting Product Design of the Year 2018” na categoria “Ambient Lighng”, nos “Light in Theory (LIT) Design Awards™”. A distinção foi atribuída à inovadora e criativa coleção de candeeiros “E2H – Earth to Humanity”, uma colaboração entre a Vista Alegre e o designer britânico Ross Lovegrove.

Grandes nomes do design contemporâneo, da pintura, escultura, arquitetura, literatura e outras formas de arte têm emprestado o seu talento a muitas criações da marca. Siza Vieira, Joana Vasconcelos, Patrick Norguet, Ross Lovegrove, Marcel Wanders, Jaime Hayon, Malangatana, Sempé, Karim Rashid, Brunno Jahara, Carsten Gollnick, Sam Baron, a marca francesa Christian Lacroix e a insígnia Oscar de la Renta são alguns dos artistas e designers que se associaram à Vista Alegre. 

Os serviços Vista Alegre são usados oficialmente pelo Presidente da República Portuguesa, pela Casa Branca, por várias Casas Reais e por muitas personalidades de todo o mundo, como a rainha Isabel II de Inglaterra, o rei Filipe VI de Espanha e a rainha Beatriz da Holanda. A Vista Alegre fornece ainda as loiças oficiais de várias embaixadas espalhadas pelo mundo, nomeadamente as do Brasil, Espanha e Marrocos, bem como outras instituições públicas e privadas nacionais e internacionais. 

Em outubro de 2018 a Vista Alegre foi distinguida pela Comissão Europeia com o prémio “Regiostars” na categoria “Escolha do Público”. O RegioStars é um galardão em que a Comissão Europeia distingue os melhores projetos de política de coesão na União Europeia, privilegiando projetos inovadores e de boas práticas de desenvolvimento regional. 

Sobre a Women in Tech®

A Women in Tech® é uma organização internacional sem fins lucrativos com a dupla missão de combater o gap de género e ajudar as mulheres a apaixonarem-se pela tecnologia. A organização foca-se em quatro áreas primárias de ação: educação, empreendedorismo, eventos e investigação.

Mais do que uma organização, a Women in Tech é um movimento que representa todas as pessoas, independentemente de género, raça, etnia, classe social, idade ou orientação sexual e conta com membros em mais de 60 países do mundo. www.women-in-tech.org

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub