Nasceu a Orquestra Poema

por Rua Direita | 2013.12.20 - 15:31

A POEMa (Projeto Orquestra Estúdio de Mangualde) é uma iniciativa da Câmara Municipal de Mangualde, em parceria com o Conservatório Regional de Música de Viseu “Dr. José de Azeredo Perdigão”, e tem como objetivo a criação de duas formações, orquestra de câmara e orquestra de sopros. A Orquestra POEMa nasceu formalmente no passado dia 18 de dezembro, através da assinatura de um protocolo, que aconteceu depois da Audição Final do Ensino Articulado da Música. O Protocolo foi assinado pelos Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, e o Presidente da PROVISEU, Celso Costa. O momento contou ainda com a presença do Diretor Pedagógico do Conservatório, José Carlos Sousa.

Os intervenientes deste projeto são elementos das Bandas Filarmónicas do concelho de Mangualde e alunos/ex-alunos do Conservatório Regional de Viseu “Dr. José de Azeredo Perdigão”, com idades compreendidas entre os 12 e os 30 anos de idade, podendo haver algumas exceções.

Os objetivos deste projeto são a criação e formação de públicos, proporcionar a prática de conjunto orquestral a um grande número de jovens músicos, apostar na formação especializada e qualificada, fomentar boas relações e a colaboração entre as diferentes associações musicais do concelho de Mangualde, divulgar e representar o nome de Mangualde, bem como o de todas as associações envolvidas, promovendo o trabalho de grupo, a disciplina e a responsabilidade para uma melhor cidadania.

Os ensaios serão semanais, em dia e hora a definir pelo Conselho Consultivo. O ensaio geral será de duas em duas semanas, alternando com o ensaio de naipe. O trabalho de naipe será orientado por professores do Conservatório Regional de Viseu “Dr. José de Azeredo Perdigão”, ficando a direção musical a cargo do Prof. Tiago Correia. O local de ensaio será a Escola Ana de Castro Osório.

Esta iniciativa conta ainda com os apoios do Agrupamento de Escolas de Mangualde, da Associação Filarmónica da Boa Educação de Vila Cova de Tavares, da Associação Humanitária e Cultural de Abrunhosa-a-Velha, da Sociedade Filarmónica de Tibaldinho e da Sociedade Filarmónica Lobelhense.

Depois da Audição final do Ensino Articulado da Música, teve lugar a assinatura do protocolo, seguida de uma apresentação da POEMa.

910 944 474 | sofiamonteiro@essenciacompleta.pt

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub