Moimenta da Beira – Expodemo 16’: a maior de sempre!

por Paulo Neto | 2016.08.23 - 08:27

 

 

Mais expositores, mais área coberta e mais espetáculos de rua, dezasseis ao todo. Mais produtores de maçã e de vinho, mais horas de televisão em direto e mais gastronomia regional. Mais luz, mais cor, mais cultura, e a presença forte de Espanha, país convidado, representado por várias empresas de renome e por música e dança flamenca ao vivo e arte circense de rua. Um cartaz de luxo!

É a maior Expodemo de sempre. Vai realizar-se nos dias 16, 17 e 18 de setembro, pela 5ª vez consecutiva, no miolo mais urbano da vila de Moimenta da Beira, mas com o verde do jardim do Tabolado à espreita e a sombra das tílias centenárias a beijar o chão da praceta. Faltam quatro semanas para tudo começar!

A inauguração está prevista para as 18 horas de sexta-feira, 16 de setembro, em frente aos Paços do Concelho, no palco Expodemo, o maior de todos, onde à noite atuará Vitorino, um dos cantores-poetas da Revolução de Abril, companheiro de palco e canções de José Afonso, Adriano Correia de Oliveira, Fausto, Sérgio Godinho e outros nomes fundamentais da música portuguesa dos últimos quarenta anos. Vitorino trará também consigo o grupo coral “Os Camponeses de Pias”, um dos grandes intérpretes do “Cante Alentejano”, género musical tradicional do Alentejo que a UNESCO declarou, há menos de dois anos (27 de novembro de 2014), como Património Cultural Imaterial da Humanidade. Um privilégio e uma honra para Moimenta da Beira e região!

No sábado, também à noite, a magia e beleza dos “Spirits”, uma companhia de teatro de rua que preparou “Apoteose” para a Expodemo, um espetáculo com momentos de grande impacto visual, composto por treze artistas, compilando trinta pessoas envolvidas na produção total, e envolvendo ainda o público como parte ativa do cenário. O espetáculo começa com acrobacia e atores a sobrevoarem os céus como sinal de pureza e harmonia.

O palco maior voltará à ribalta no domingo à tarde, 18, com o maior programa de entretenimento televisivo português, “Somos Portugal”, da TVI, que este ano deverá começar mais cedo (12h30). Serão mais horas de emissão em direto de Moimenta da Beira para todo o mundo, marcado pela subida ao palco de dezenas de artistas populares, e pelas reportagens que serão vistas por milhões de pessoas.

O resto do cartaz da Expodemo, a ser divulgado em detalhe dentro de dias, voltará a incluir estátuas-vivas, graffiters a trabalhar ao vivo, três ‘chefs’ no espaço da gastronomia, provas de maçã e de vinho, as “Marias Malucas”, um trio de mulheres que contagia pela alegria que espalha, o Festival de Acordeão Vitor Ferreira, sons de rock e apple party madrugada fora, e as jornadas agro-frutícolas Cartageno Ferreira que este ano serão organizadas por uma revista da especialidade, de Castelo Branco (Voz do Campo), no domingo de manhã.

 
Rui Bondoso