Crise ‘pede’ mais voluntariado

por Rua Direita | 2015.12.09 - 19:08

 

 

“Em momentos de crise como o actual, que extravasam os parâmetros meramente económico/financeiros, o voluntariado volta a ter necessidade de encontrar soluções para problemas gerados por uma sociedade à procura de um novo rumo”. A afirmação é da coordenadora do Conselho Nacional para a Promoção do Voluntariado, Maria Elisa Borges, e foi proferida sábado passado, 5 de dezembro, na conferência que celebrou o Dia Internacional dos Voluntários, em Moimenta da Beira, promovida pelo Banco Local de Voluntariado em que a Câmara Municipal, como entidade enquadradora, deu o devido acolhimento.

A responsável deu exemplos de novos problemas que emergiram com a crise: “o envelhecimento das sociedades, a solidão, a perda de laços afectivos, a ilusória sustentabilidade dos sinais exteriores de riquezas, as medidas de política que condicionam a organização do trabalho e a utilização do tempo livre, a necessidade de conhecimento da aprendizagem ao longo da vida, entre muitos outros, que estão na ordem do dia”.

Maria Elisa Borges, que apelou ao reforço do número de novos voluntários, lembrou contudo que para se ser voluntário “é preciso existir uma motivação, ter perfil para a actividade, estabelecer um compromisso, ter a formação adequada, ter o enquadramento adequado por parte de uma instituição, e uma coordenação convincente por parte da mesma, para que a sua acção seja realmente eficaz”.

A conferência contou ainda com outros quatro oradores (José Requeijo, Alexandre Monteiro, Rosa Silva e Sara Guia) e o testemunho (Cacilda Lopes) de uma voluntária.

A sessão de abertura foi feita por Hélder de Jesus Tavares, presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Moimenta da Beira, e presidida pelo chefe do Executivo Municipal, José Eduardo Ferreira. A de encerramento, por Susana Lemos, Vereadora da Acção Social.

Para a inscrição de mais voluntários, o Banco Local de Voluntariado funciona nos serviços municipais de Acção Social (254 520 074 ou 925 200 200, e-mail: bancodevoluntariado@cm-moimenta.pt).

 

RBondoso

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub