“Aquilino no Campus de Santiago” será a maior exposição bibliográfica aquiliniana de sempre

por Rua Direita | 2019.06.11 - 16:40

É verdade, e até prova em contrário assim será considerada, e vai decorrer na Biblioteca da Universidade de Aveiro, de 14 de Junho a 17 de Julho, contando com 354 obras expostas, entre bibliografia activa, passiva, revistas, medalhas e documentos vários.

A inauguração ocorrerá às 16H30 de sexta-feira, dia 14, na Sala Hélène de Beauvoir e contará com a presença do Reitor da Universidade de Aveiro, dos Presidentes das autarquias das Terras do Demo, da diretora da Biblioteca e da coordenadora do Centro de Investigação, vereadores, membros da academia e convidados e, evidentemente, dos promotores do evento, Maria Eugénia Pereira, docente do DLC e Paulo Neto, director da revista literária “aquilino” que, e para o efeito, disponibilizou o seu espólio pessoal, compulsado nas duas últimas duas décadas e meia.

Desta forma e sob o tema “Aquilino no Campus de Santiago”, espaço onde se localiza a Universidade de Aveiro, ele que foi autor da Estrada de Santiago e, em  o “Malhadinhas”, tão bem retratou as viagens do almocreve, entre Barrelas e Aveiro, prossegue a homenagem ao autor de “Terras do Demo” neste ano de 2019, no decurso do seu centenário.

Recordamos que a reedição desta obra, tal como esta Exposição, é feita sob a égide da FAR – Fundação Aquilino Ribeiro e dos três municípios que são seus legítimos proprietários, Moimenta da Beira, Sernancelhe e Vila Nova de Paiva.

Está convidado!

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub