“Ao tempo de Almeida Moreira – Habitar os/nos séculos XIX e XX”

por Rua Direita | 2016.04.22 - 08:24

 

 Considerando a influência e importância de Francisco António de Almeida Moreira (1873 – 1939), primeiro diretor do Museu [Nacional de] Grão Vasco, este Congresso prestando-lhe homenagem, procura sobretudo estabelecer um padrão quanto ao modo de entender a transição dos séculos XIX para XX e suas marcas quer enquanto período de alteração de paradigmas, quer enquanto molde fundacional para o período que, particularmente até ao início da Segunda Guerra Mundial se efetivou.

 A abordagem das temáticas terá em conta diversos planos de análise (Local, Nacional, Internacional) e far-se-á sempre que possível o esforço de integrar perspetivas e correntes, de modo a consolidar estudos e investigações que paralelamente contribuam para o balizar de investigações futuras.

 Tendo em conta os processos de construção e afirmação de identidades urbanas em curso no período considerado, dinamizados por atores locais como Almeida Moreira, serão propostos eixos temáticos agregando um conjunto de painéis diversos, entre os quais se dará primazia à sociabilidade e paisagem urbanas, às práticas e representações turísticas do território, ao desenvolvimento das comunicações e transportes, à industrialização e práticas comerciais, bem como à “institucionalização de entidades socioculturais e educativas” (mormente museus).

Integrado no programa das comemorações do centenário do Museu Nacional Grão Vasco (Março de 1916 – Março 2016).

 

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub