1975/2015 – 40 Anos do Dia Internacional da Mulher em liberdade

por Rua Direita | 2015.02.23 - 11:17

 

Em 2015 passam 40 anos sobre a comemoração livre do Dia Internacional da Mulher em Portugal. Foi após 1975, que graças à revolução de 25 de Abril, as mulheres portuguesas puderam evocar a luta pela emancipação e pelos seus direitos, sem repressão ou perseguição policial.

O Movimento Democrático de Mulheres considera que passados 40 anos sobre a proclamação realizada pela ONU para 1975 como Ano Internacional da Mulher, continua a haver razões para comemorar o dia 8 de Março. Porque é necessário assinalar e homenagear o empenho e a luta de muitas gerações de mulheres pelos seus direitos. Porque é preciso denunciar e combater as discriminações e desigualdades que ainda subsistem na nossa sociedade e no mundo. Quarenta anos após o 25 de Abril, a vida em igualdade é ainda um objetivo a atingir.

Do programa de comemorações fazem parte duas iniciativas. Uma noite animada a decorrer no Lugar do Capitão, a partir das 22 horas do dia 7 de março, “40 Anos de DIM – música, poesia e debate”, que conta com a participação de Ana Lopes e música ao vivo. No dia 8, pelas 10:00 terá início uma caminhada simbólica. A concentração far-se-á junto ao tribunal de Viseu lembrando a relevância de haver leis promotoras da igualdade e de as aplicar sem perder essa perspetiva. Prosseguirá por outros locais simbólicos de responsabilidade institucional e de decisão política, nos quais será deixado um apelo a que os direitos que concretizam a igualdade, direitos humanos fundamentais, sejam cumpridos de acordo com o consagrado na Constituição da República Portuguesa. Durante esta caminhada será transportada a Chama pela Igualdade, ateada no início do percurso, fazendo apelo a não esquecer os caminhos convergentes com os direitos das mulheres trazidos por Abril, alguns perdidos e outros ainda por cumprir.

Com a participação de todas e todos, daremos visibilidade a uma causa que não é apenas feminina pois não há verdadeira emancipação masculina sem emancipação da mulher.

Para mais informações pode ser visitada a página do MDM-Viseu em https://www.facebook.com/MDMViseu

 

 

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub