Menu   

Fernando Figueiredo

Forjado na Beira Alta, aos 56 anos dá-se por bem casado e aprecia a companhia de três filhos, dois ainda na fase de espalhar magia a toda a hora; em família dá-se como feliz, apenas por o fazerem feliz. Como os duros estudou na Academia Militar, que não é para meninos e na época em que ainda se viajava de pé no comboio mas teve ainda tempo para queimar as pestanas em Gestão de Recursos Humanos. 36 anos “militarizado” vê-se agora na reforma a procurar ser “civilizado”. Em termos profissionais esteve no Iraque e voltou para contar, também esteve em Timor onde bebeu água de coco e visitou Jaco, erro fatal que lhe deixou o coração preso nas valorosas gentes timorenses e nas paisagens únicas do País que ajudou a ver nascer independente já no Séc XXI. Nos tempos livre actualiza o blog mais lido e odiado do delta do Dão, o Viseu Sra da Beira, e ainda escreve textos para jornais mas, poucos o lêem. Homem sem grande preocupação em fazer amigos, escreve o que entende sobre quem não consegue entender. Tais liberdades já lhe valeram um par de processos em tribunal, sem nunca se ter declarado Charlie. A genética deixou-o sem um único cabelo mas está careca de saber que os valores do trabalho, da honestidade e da amizade são o maior legado que o pai lhe deixou. Benfiquista moderado, gosta mesmo é de um bom jantar na companhia dos melhores amigos. Agora como empresário e homem de negócios só aceita de lucro o necessário para viver e distribuir por outros e de comissão a 100% a ética, a responsabilidade e o profissionalismo. É garantidamente mais bonito ao vivo que em foto.

Colaboradores, última actividade

As grandes questões da humanidade resolvem-se em dilemas tremendos: ser ou não ser, o ovo ou a galinha, chuva ou nevoeiro. O Enólogo, dono de uma sabedoria antiga, gosta de perguntar aos incautos, que andam pelo mundo descuidadamente, o que preferem: muita chuva ou um grosso nevoeiro. Esta podia ser a dúvida dos ciclistas na […]

21 de Julho, 2019

“A história de sua ruína |Roma| é simples e óbvia; e, em vez de indagar os porquês da destruição do Império Romano, deveríamos ficar um pouco mais surpresos sobre como ele durou por tanto tempo. As legiões vitoriosas, que, em guerras distantes, adquiriram os vícios de estrangeiros e mercenários, primeiro oprimiram a liberdade da república, […]

21 de Julho, 2019

A fazer fé no resultado da reunião da passada 6ª feira, na associação comercial de Viseu, serão estes os putativos nomes a serem aprovados por Lisboa, excepção feita a João Azevedo, quota nacional, indicado pelo próprio secretário-geral, António Costa. Um bom primeiro nome, de um aguerrido combatente com muitas vitórias eleitorais e com um desempenho […]

20 de Julho, 2019

Foram apresentadas as recomendações que servirão de base às novas regras das pensões de reforma em França.  Tais recomendações serão a base do projeto de lei que o Governo apresentará no final do ano. Será criado um sistema universal, prometido pelo Presidente Macron, que substituirá os 42 (!!!) regimes existentes. Em princípio a idade de […]

19 de Julho, 2019