Viseu – Ações de sensibilização Floresta Segura 2018

por Paulo Neto | 2018.03.04 - 18:21

 

INFORMAÇÃO

DEFESA DA FLORESTA CONTRA INCÊNDIOS

MANUTENÇÃO DAS FAIXAS DE GESTÃO DE COMBUSTÍVEL

 

A obrigatoriedade de manutenção das faixas de gestão de combustíveis constitui uma das medidas preventivas previstas no Decreto Lei nº 124/2006, de 28 de junho com redação atual, com o objetivo de reduzir o número de incêndios rurais.

A prática mais comum da gestão de combustíveis consiste na limpeza dos terrenos, através do corte e remoção da biomassa vegetal neles existentes. Uma correta e oportuna gestão de combustíveis constitui um elemento essencial para a minimização do risco de incêndio.

A prevenção aos incêndios rurais deve ser praticada de forma atempada e inteligente.

A Guarda Nacional Republicana (GNR) tem vindo a exercer um enorme esforço na realização de ações de sensibilização junto da população, com o intuito de promover e fomentar boas práticas agrícolas e acima de tudo transmitir uma mensagem de dever cívico na prevenção generalizada aos incêndios rurais, partindo da premissa que a floresta é de todos e que a todos cabe preservar e proteger.

Na sequência das ações realizadas pela GNR, constatou-se que muitos terrenos continuam a carecer de limpeza, de forma a salvaguardar a manutenção das faixas de gestão de combustíveis e assim contribuir para a redução do elevado número de incêndios rurais.

O Comando Territorial da GNR de Viseu, irá realizar ações de sensibilização na(s) freguesia(s) de:

1)     No dia 05 de março, horário:

a)     Mangualde – União de Freguesias de Mangualde, Mesquileta e Cunha Alta, 19h00;

b)    Nelas – Junta de Freguesia de Carvalhal Redondo e Aguieira, 18h30;

c)    Moimenta da Beira – Castelo, 14h00;

d)    Moimenta da Beira – Paço, 15h00;

e)    Moimenta da Beira – Sever, 16h00;

f)    Moimenta da Beira – Alvite, 17h00;

 

2)     No dia 06 de março, horário:

a)     Lamego – Penude,  08h00;

b)     Carregal do Sal, Associação das Laceiras, 20h30;

c)     Nelas – Lapa do Lobo e Canas de Senhorim, 18h30;

d)    Mangualde – Junta de Freguesia de Cunha Baixa, 21h00;

e)    Moimenta da Beira – Pêva, 14h00;

f)     Moimenta da Beira – Ariz, 15h00;

g)    Moimenta da Beira – Nacomba, 16h00;

h)    Moimenta da Beira – Pera Velha, 17h00;

i)     Moimenta da Beira – Caria, 18h00;

j)     São Pedro do Sul, Manhouce, 09h00;

 

3)     No dia 07 de março, horário:

a)     Mangualde – Junta de Freguesia Espinho, 14h30;

b)    Nelas – Santar e Moreira, 18h30;

c)    Moimenta da Beira – Vilar, 14h00;

d)     Moimenta da Beira – Arcozelo, 15h00;

e)     Vila Nova de Paiva – Touro, 17h30;

 

4)     No dia 08 de março, horário:

a)   Castro Daire – Mões, 09h00;

b)     Cinfães – Tendais, 14h00;

c)    Nelas – Vilar Seco e Senhorim, 18h30;

 

5)     No dia 09 de março, horário:

a)     Tondela – Santiago de Besteiros, 08h00;

b)     Nelas – 18h30;

 

6)     No dia 10 de março, horário:

a)     Resende – Carquere e União de Freguesias de Feirão e Felgueiras, 08h00;

b)     Mangualde  – União de Freguesias de Moimenta Maceira Dão e Lobelhe do Mato, 14h30;

b)     Mangualde  – Junta de Freguesia de Fornos Maceira Dão, 16h30;

 

 

A falta de manutenção das faixas de gestão de combustíveis (limpeza dos terrenos) constitui infração do foro contraordenacional e os seus responsáveis incorrem em coimas de 280 € a 10.000€, no caso de pessoa singular, e de 1.600 € a 120.000€, para pessoas coletivas.