“SMS para emergência demoram 12 horas” – MAI esclarece

por Rua Direita | 2018.08.02 - 11:17

 

“Na sequência da notícia do Jornal de Notícias, com o título “SMS para emergência demoram 12 horas”, o Ministério da Administração Interna esclarece: 

O sistema de alertas por SMS preparado pela Autoridade Nacional de Proteção Civil, pela ANACOM e pelos operadores de comunicações móveis destina-se a informar as populações quando é declarado o Estado de Alerta Especial de Nível Vermelho.

O SMS é uma informação de caráter preventivo, enviada quando é declarado o Estado de Alerta Especial de Nível Vermelho num determinado distrito ou distritos. 

A mensagem é enviada para as pessoas que se encontram no distrito onde for declarado o estado de alerta – incluindo emigrantes e cidadãos estrangeiros, em inglês e português – e inclui um número de apoio da ANPC para esclarecimento de dúvidas.

Este Sistema de Avisos à População via SMS foi testado no exercício Montemuro’18, a 19 de maio de 2018. O SMS foi enviado para os números móveis que, ao início da manhã, se encontravam nos distritos de Aveiro e Viseu, num total de cerca de 1.4 milhões de pessoas. Cerca de 90% das mensagens foram entregues nas duas primeiras horas. 

Estes avisos preventivos em Estado de Alerta Especial de Nível Vermelho são da maior importância, considerando a probabilidade muito elevada de ocorrência de situações de emergência e a necessidade de adotar medidas de autoproteção.

O conteúdo dos SMS é definido pela ANPC, enviado por esta Autoridade de forma eletrónica para os operadores de comunicações móveis, que por sua vez o remetem para os seus clientes – o que permite que se atinja uma cobertura muita significativa da população.

A solução não tem custos para o Estado nem para os destinatários da mensagem.”

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub