O BE quer saber onde serão colocados os sete médicos contratados para o Sul do distrito

por Rua Direita | 2019.07.18 - 21:09

Para o efeito questionou o administrador do Agrupamento de Centros de Saúde Dão Lafões, com o ofício que segue:

“Na sequência da noticia difundida por agências noticiosas locais da vinda de sete clínicos para a região sul do distrito de Viseu, vêm-se requerer, mui respeitosamente, a informação do local onde estes médicos serão colocados.

Como tem sido prática constante, é de extrema importância e preocupação com o bem-estar e o acesso à saúde da população do interior, consequência das provações e dificuldades que estes cidadãos têm sofrido. Veja-se o exemplo da localidade de São João de Areias onde tem sido prometido um médico de família presente e não apenas em raros dias, foi assumido pela coordenação da USF Rio Dão que estas falências eram derivadas da falta de profissionais. Em localidades como esta, a população é já resistente para não abandonar um interior ao qual têm tirado serviços e dignidade, mas é impossível permitir que fiquem sem o médico de proximidade, o médico de família essencial. Com uma população cada vez mais envelhecida, os cuidados de saúde deviam ser aprimorados e não reduzidos.

 Assim, e certo que está o ora subscritor desta missiva da V/compreensão, aguardaremos uma resposta, solicitando sempre especial atenção aos territórios e populações desfavorecidas a quem se tem prometido há muito algo que, lamentavelmente e para opróbrio do poder institucional, não vem sendo cumprido, o que merece a nossa (população do interior) mais imensa exprobra e desilusão. Por mais que sejam os motivos com que possam justificar esta situação é já imperdoável.”

P’la Comissão Distrital de Viseu do Bloco de Esquerda,

Paulo Rodrigues

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub