GNR deteta 63 migrantes no mar Egeu

por Rua Direita | 2018.10.11 - 15:21

 

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC), através de militares destacados na ilha de Samos-Grécia, no âmbito da missão da Agência Europeia de Fronteiras e Guarda Costeira (FRONTEX), hoje, dia 11 de outubro, detetou 63 migrantes, que seguiam em duas embarcações no mar Egeu.

A equipa terrestre de vigilância marítima da UCC, designada de Thermal Vision Vehicle (TVV), através dos equipamentos de visão térmica, detetou duas pequenas embarcações, rumo à fronteira da Grécia, as quais transportavam 17 crianças, 19 mulheres e 27 homens, tendo as mesmas sido intercetadas e auxiliadas pela embarcação portuguesa da UCC e por uma outra da força pertencente à Letónia, ambas em missão na FRONTEX, que se encontravam a patrulhar próximo daquele local.

A deteção por parte dos militares da GNR possibilitou que os migrantes fossem resgatados em segurança e encaminhados para as autoridades helénicas.

A GNR, nesta missão da FRONTEX, desenvolve ações nas fronteiras terrestres e marítimas com a finalidade de prevenir, detetar e reprimir ilícitos relacionados com a imigração ilegal, tráfico de seres humanos e outros crimes transfronteiriços, contribuindo fundamentalmente para a salvaguarda de vidas humanas.

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub