Em Sernancelhe comemora-se o 133º aniversário do nascimento de Aquilino Ribeiro

por Rua Direita | 2018.09.10 - 04:11

 

 

Aquilino Ribeiro nasceu no Carregal a 13 de Setembro de 1885. Nesta semana que decorre entre 10 e 15 são várias as actividades desenvolvidas pela autarquia para manter viva a memória do escritor sernancelhense, como também, no decurso de todo o ano, plurais foram e serão as iniciativas, desde apresentação de livros do autor e sobre o autor, à Feira Aquiliniana da Lapa, à revista literária “aquilino”, etc.

Ouvimos o vereador da Cultura, Armando Mateus.

 

RD: Em Sernancelhe, todos os anos, várias vezes ao ano, Aquilino é lembrado. O que temos, desta vez?

AM: Desta vez e após outras actividades e eventos desenvolvidos, inserido nos 133 do nascimento de Aquilino Ribeiro, no Carregal, temos esta semana de 10 a 14 consagrada à leitura de obras do escritor, numa acção conjunta da Biblioteca Abade Moreira com o município, esperando-se a visita de centenas de pessoas para participarem nas diversas ações propostas, em particular no desafio da leitura, no qual quem requisitar obras de Aquilino Ribeiro receberá como oferta publicações municipais.

No dia 12, e coincidindo as comemorações com o início de mais um ano letivo, a receção aos professores será seguida da visita guiada “À descoberta de Aquilino Ribeiro no Concelho de Sernancelhe”. Esta “viagem” pelos locais marcantes da sua vida e obra, contempla passagens pelo Convento de Nossa Senhora do Carmo, em Freixinho, Pátio do Carregal, onde Paulo Neto, Diretor da Revista “aquilino”, fará uma palestra sobre o escritor, Mosteiro de Nossa Senhora da Assunção, na Tabosa, e ainda pelo Santuário da Lapa.

No dia 13 serão exibidos na Biblioteca Municipal documentários do arquivo da RTP sobre Aquilino Ribeiro, realizados na década de 80 do século XX. Os utilizadores da Biblioteca serão convidados, logo depois, a participar em sessões de leitura das suas obras, numa iniciativa aberta a públicos de todas as idades e que contemplará também a obra infantil do escritor.

Para o dia 14 a Biblioteca está a preparar uma jornada dedicada à vertente mais mediática (e ao mesmo tempo polémica) da obra de Aquilino, com a visualização da série “Quando os Lobos Uivam”, exibida pela RTP em 2006, e que retrata o problema dos baldios, enaltecendo os direitos do povo e a liberdade que sempre estiveram presentes na vida e obra escritor.

RD: 2019 traz-nos o centenário de “Terras do Demo”, que deu paradigmático realce ao espaço geográfico de Moimenta da Beira, Sernancelhe e Vila Nova de Paiva. Que têm em mente para essa comemoração?

AM: Em torno dessa obra, os três municípios têm para já assumida a republicação, com a Bertrand Editora, dessa obra, num formato de capa e prefácio ainda em estudo. Estamos a pensar em várias actividades conjuntas, mas é ainda prematura a sua divulgação.

RD: A Câmara de Sernancelhe é das raras, senão a única autarquia que edita uma revista literária monotemática de dedicada ao escritor, a “aquilino”. E sobre ela, que nos anuncia?

AM: Anuncio a saída de um novo número, previsto para o mês de Outubro, com algumas surpresas, entre elas e na sequência da fotobiografia já editada em 2016 – que foi um sucesso – uma temática inédita que decerto agradará a todos os aquilinianos… Dentro de dias revelaremos o seu conteúdo, prometendo desde já uma excelente surpresa.

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub