Da ameaça à convivência: a proteção das comunidades em cenário de incêndio rural

por Rua Direita | 2018.03.07 - 20:22

Estrutura de Missão promove seminário sobre incêndios florestais

 

A proteção das comunidades em cenário de incêndio rural é o tema do seminário promovido pela Estrutura de Missão, no dia 8 de março na Gulbenkian. Vários especialistas nacionais e internacionais abordam o impacto das alterações climáticas no crescente risco de incêndio para as populações, florestas e territórios rurais e deixam propostas de adaptação.

A partilha de conhecimento especializado e das melhores práticas nacionais e internacionais a vários níveis, junto de autarquias, decisores e operacionais é um dos objetivos da Estrutura de Missão para a Instalação do Sistema de Gestão Integrada de Fogos Rurais, constituída em outubro de 2017.

Pela mão de Kelvin Hirsch, perito com mais de 35 anos em alterações climáticas e incêndios florestais, é apresentado o sistema de prevenção e combate aos incêndios no Canadá em resposta às alterações climáticas. O programa FireSmart Communities merece destaque como exemplo de sensibilização das comunidades rurais face à ameaça de risco de incêndio. Filipe Duarte Santos aborda o impacto das alterações climáticas na floresta e nas comunidades, José Miguel Cardoso Pereira apresenta a proposta de mosaico florestal modificado para a aldeia de Alvares no concelho de Gois (incêndio de 2017) e José Manuel Lima Santos discute a sustentabilidade dos modelos de gestão florestal e as políticas públicas.

A sessão contará com a presença do Primeiro-Ministro, António Costa, que fará o encerramento.

Da ameaça à convivência: a proteção das comunidades em cenário de incêndio rural conta com o apoio da Embaixada do Canadá, da Fundação Calouste Gulbenkian e da Universidade de Lisboa.

 

 

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub