Carlos Ramos, emigrante na Suíça, foi distinguido com Ordem do Mérito, pelas vidas salvas no acidente de Alcafache

por Rua Direita | 2018.01.04 - 10:33

 

 

Carlos Alberto Monteiro Sousa Ramos é natural do concelho de Tondela, radicado na Suiça há muitos anos, foi distinguido com as insígnias de Comendador da Ordem do Mérito, nesta quarta feira, dia 3 de janeiro, pelo Presidente da República.

 

Carlos Ramos distinguiu-se pelas vidas que salvou, pondo em risco a sua própria, no Acidente Ferroviário de Alcafache ocorrido a 11 de setembro de 1985 e do qual resultou um número indeterminado de mortes.

Recorde-se que todos os anos este trágico acidente é recordado através de uma iniciativa que os sobreviventes e familiares das vítimas levam a cabo no concelho de Mangualde nas imediações do local do acidente, como ainda aconteceu, em 10 de setembro de 2017.

O ato de imposição das insígnias de Comendador teve lugar na Sala do Embaixadores, no Palácio de Belém, e contou com a presença do ex-Presidente Ramalho Eanes, à época Presidente da República, sendo Primeiro Ministro Mário Soares, do Secretário de Estado das Comunidades, José Luís Carneiro, do deputado eleito pelo círculo da Europa, Paulo Pisco e de familiares e amigos.

Fotos: PR

Cortesia www.daoedemo.com

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub