BE questiona governo sobre extensão de saúde em S. Joã de Areias, Sta. Comba Dão

por Rua Direita | 2018.09.08 - 09:03

O BE interpelou o Governo com a seguinte questão:

 

Exmº. Senhor Presidente da Assembleia da República

São João de Areias é uma freguesia do concelho de Santa Comba Dão, no distrito de Viseu, contando com perto de 2500 habitantes e composta por Campolinho, Cancela, Casas Novas, Castelejo, Cernada, Currais, Fonte do Ouro, Guarita, Póvoa dos Mosqueiros, Prado, Quinta da Póvoa dos Mosqueiros, Quinta do Rio Dão, São João de Areias, São Miguel, Sardoal, Silvares, Vale Pinheiro e Vila Dianteira. No que concerne a cuidados de saúde primários, esta população é servida por uma Extensão de Saúde, pertencente ao Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Dão Lafões.

Esta extensão de saúde está encerrada há perto de 15 dias por falta de médico, tendo possível integração de novo médico para o dia 10 de setembro de acordo com edital da ACES Dão Lafões (já tendo estado também encerrada por bastante tempo noutros períodos, já são perto de 5 os médicos que aqui passaram). Os médicos que aqui exercem funções não se mantêm na extensão de saúde durante muito tempo.

Esta situação arrasta-se desde 2015 quando o médico de família de há anos se aposentou e o problema ainda persiste, para acautelar o serviço a ACES Dão Lafões recomenda aos utentes deslocarem-se ao centro de saúde de Santa Comba Dão, que fica a cerca de 7 quilómetros, particularmente difíceis para uma população maioritariamente envelhecida e com problemas de mobilidade.

Temos conhecimento de situações de consultas que são adiadas 2 e 3 vezes, algumas delas para análise de resultados de exames complementares de diagnóstico.

Esta extensão de saúde sofreu várias intervenções por parte da Câmara Municipal de Santa Comba Dão e da Junta de Freguesia de São João de Areias durante o ano 2016 para assim criar melhores condições aos utentes e aos profissionais.

O Bloco de Esquerda considera que é fundamental garantir o direito das populações de acesso aos cuidados de saúde de que necessitam e aos quais têm direito, sem qualquer tipo de constrangimento como acontece nesta situação.Atendendo ao exposto, e ao abrigo das disposições constitucionais e regimentais aplicáveis, o Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda vem por este meio dirigir ao Governo, através do Ministério da Saúde, as seguintes perguntas:

 

1. O Governo tem conhecimento da situação exposta?

2. Por que motivo se encontra encerrada a extensão de saúde de São João de Areias?

3. Que medidas urgentes serão implementadas para assegurar a abertura da extensão de saúde de São João de Areias e garantir o seu normal funcionamento?

 

Moisés Ferreira

 

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub