O IPV tem novo presidente do seu Conselho Geral: le roi est mort vive le roi.

por PN | 2017.04.21 - 12:59

 

 

 

Aproxima-se o dia das eleições para a presidência do Instituto Politécnico de Viseu. Os “sprinters” andam sem fôlego. José Costa, Pedro Rodrigues João Luís Monney estão na corrida. Ignoramos se podem surgir novos candidatos e se há prazo estatutariamente definido para o efeito.

Hoje soube-se que para o Conselho Geral, de entre as nove personalidades civis cooptadas, foi eleito para seu Presidente, António Correia de Campos, ex-ministro da Saúde e deputado europeu socialista, actualmente presidente do Conselho Económico e Social, desde Outubro de 2016. Este cidadão de Torredeita é licenciado em Direito por Coimbra, mestre em Saúde Pública, pela Universidade Johns Hopkins e doutor em Saúde Pública pela Universidade Nova de Lisboa, onde foi professor catedrático da Escola Nacional de Saúde Pública.

Exerceu funções como Ministro da Saúde dos XVII (2005-2008) e XIV (2001-2002) Governos, Presidente do Conselho Científico do Instituto Europeu de Administração Pública de Maastricht (2000-2001), deputado à Assembleia da República, eleito pelo PS (1991-2002), Secretário de Estado da Saúde do V Governo Constitucional (1979) e secretário de Estado do Abastecimento do V Governo Provisório (1975).

Tem currículo e experiência para desempenhar um bom lugar, comparativamente com o seu antecessor, o veterinário-empresário João Cota Rebelo.

Para Secretário foi eleito Francisco Dias Mendes, professor coordenador na ESEV.

Le roi est mort vive le roi…

(foto DR)