Até quando, Fagilde?

por PN | 2017.12.01 - 18:16

 

 

Passámos pela Barragem de Fagilde, albufeira que abastece(ia…) os concelhos de Viseu, Penalva do Castelo, Mangualde e Nelas…

(Foto de 11 de Novembro)

Tendo lá estado a 11 de Novembro e com uma diferença de 20 dias, pareceu-nos que as chuvas têm combatido – até quando? – o frenesim de camiões cisterna que aí vão abastecer para levar a água para outros destinos.

Entra por um lado – pouca – e sai por outro – muita. Em questão de balanço, de deve e haver, o saldo não será por muito mais tempo positivo… caso a meteorologia continue adversa.

Ironicamente, um cartaz aconselha a “não entrar no leito do rio” (cad’êle?) “nem circular junto às margens” (de quê?), pois há “perigo de subida rápida das águas” — realidades de um passado próximo, hoje já não um perigo mas um ansiado desejo…

Estóica, esta barragem, apesar de mostrar o escalavrado das margens do seu leito, que não há-de estar a muita distância do seu fundo, já nela não marulham suas águas, apenas se ouvindo o ronronar contínuo dos insaciáveis motores de sucção.