Almeida Henriques: quantos pesos e quantas medidas?

por Carlos Cunha | 2018.06.11 - 10:19

O Presidente da Autarquia viseense, Almeida Henriques, tem defendido de forma veemente a manutenção da agência da Caixa Geral de Depósitos em Abraveses. No entanto, aceita com passividade e silêncio, que a mesma CGA encerre o balcão que existe em plena Rua Formosa, na Freguesia de Viseu.

Quando se defende o Interior, defende-se todo um território, que necessita de todos os seus serviços a funcionar em pleno.
Como viseenses não podemos aceitar que a CGD encerre mais um serviço no Interior.
O balcão da Rua Formosa existe há mais de 20 anos e serve comerciantes e os habitantes do Centro Histórico, como tal estranhamos esta posição de resignação do Presidente da Autarquia para com os fregueses de Viseu, que lhe merecem igual tratamento que os das demais freguesias do concelho.

Afinal, quando foi eleito, em Outubro de 2017, assegurou defender todo o território, o que não está a acontecer neste caso concreto, deixando cair na cidade mais um serviço público fundamental e que traz dinamismo económico a toda a zona envolvente.
Importa relembrar que a cidade de Viseu tem, nos últimos anos, sido privada de importantes serviços como foi o caso do encerramento do balcão das finanças, da Meia Laranja, e das estações de correio da Rua de Serpa Pinto e da Balsa.

Não podemos calar e aceitar com passividade esta sangria que tem atingido os serviços públicos da cidade
Quanto à CGA não podemos deixar de lamentar e de repudiar de forma veemente o encerramento de um balcão com mais de 20 anos, numa das principais ruas da cidade, pelo que propomos que este se mantenha em funcionamento dada a sua importância para os habitantes do Centro Histórico e para os comerciantes.

 

(Foto DR)

Carlos Cunha é militante do CDS-PP de Viseu e deputado na Assembleia Municipal. Licenciado em Português/Francês pela Escola Superior de Educação de Viseu concluiu, em 2002, a sua Pós Graduação em Educação Especial no pólo de Viseu da Universidade Católica Portuguesa.

Pub