Inês Pedrosa em Nelas

por Rua Direita | 2017.04.05 - 10:12

A escritora Inês PEDROSA PROPORCIONOU uma excelente noite de tertúlia cultural na Biblioteca Municipal de Nelas, no ciclo DE CONFERÊNCIAS “Nelas por vocação”.

 

 

A escritora Inês Pedrosa foi a convidada especial de mais uma Conferência “Nelas Por Vocação- 10 Conferências, 10 Convidados”, realizada ontem na Biblioteca Municipal António Lobo Antunes. “Escrever como quem respira” foi o mote para uma conversa singular com quem faz da escrita o seu modo de vida, o seu modo de existir.

Encontrou-se na Biblioteca Municipal o cenário ideal para receber uma escritora tão conceituada, numa conferência descontraída e muito participada, tendo sido a escrita, a inspiração, a paixão com que se escreve o tema central de mais noite cultural que já vem habituando. O público sempre participativo aflorou o mote da conferência “escrever como quem respira” intervindo com questões sobre a carreira da escritora mas também com referências a obras da autora que também podem ser lidas e requisitadas na Biblioteca Municipal António Lobo Antunes (também ele escritor de renome, que tem raízes familiares em Nelas).

Escritora premiada, cronista, jornalista, Inês Pedrosa foi directora da Casa Fernando Pessoa em Lisboa e mantém presença no programa A Páginas Tantas da Antena 1. É uma das figuras da literatura portuguesa contemporânea que mais sucesso faz no Brasil e está traduzida em vários países como França e Itália. Já publicou mais de 20 títulos, entre romances, contos e não-ficção. Escreveu para teatro e actualmente é uma das comentadoras do programa de debate político O Último Apaga a Luz na RTP3. No mês em que se assinala o Dia Internacional da Mulher, Nelas recebe um dos rostos mais emblemáticos da luta narrativa pela igualdade de género. Palavra a Palavra.

A moderação desta 6ª Conferência foi conduzida por Hélder Gomes, jornalista freelancer e programador do festival internacional de cinema IndieLisboa, com licenciatura em Ciências da Comunicação, na Universidade Nova de Lisboa. Trabalhou na Rádio das Nações Unidas, em Nova Iorque, entre 2007 e 2008, na Euronews, em Lyon, e na programação de música e rádios, em Lisboa, antes de integrar, em 2010, a equipa fundadora do Canal Q. Está a concluir a sua tese de mestrado em Estudos Internacionais, no ISCTE.

A noite contou ainda com a participação do “Coletivo Orelhas Moucas”, que de forma descontraída e criativa contextualizam o momento com “Versos para Entrada e Canções a Condizer”, introduzindo os convidados e o tema da conversa, num encontro brilhante entre poesia e música.

“Nelas por Vocação: 10 Conferências, 10 Convidados” continua a trazer para o espaço público concelhio, uma quinta-feira por mês, a discussão de grandes temas relacionados com a realidade, local e nacional, conduzida sempre por um convidado público, que vai da música à escultura; da literatura à pintura; da arquitectura à gastronomia; da investigação científica à religião.

Individualidades como, João Paulo Martins, Francisco José Viegas, António-Pedro Vasconcelos e Pedro Marques, Vitor Sobral e Vítor de Sousa já vieram ao Concelho de Nelas por Vocação ao conhecimento, ao pensamento critico, ao desenvolvimento de uma cultura cívica actual e inclusiva.

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub